x
Convex Datacenter
Página 1 de 18 1234567891011 ... ÚltimoÚltimo
Resultados 1 a 12 de 216
  1. #1
    Usuário Avatar de GuilhermeAdolf
    Entrada
    27/04/2013
    Local
    Cariacica/ES
    Idade
    27
    Posts
    253
    Agradecimentos: 15

    17445km de Band! Carretera Austral, Paso Mayer, Chaltén, Calafate, TDP e Ushuaia




    Olá amigos!

    Inicio agora mais um relato no fórum. Dessa vez a viagem foi para o extremo sul do mundo. Os destinos eram a Ruta dos Siete Lagos na Argentina, a Carretera Austral no Chile, a tentativa de travessia do Paso Rio Mayer, trekkings em El Chaltén, El Calafate e Torres del Paine, e a chegada até o fim da estrada mais austral do mundo, a Ruta 3.

    A viagem foi planejada em 15650km, para ser realizada em 28 dias, com 2 reservas. Devido alguns imprevistos e alterações no trajeto, foi realizado 17445km em 33 dias.

    O custo total foi de R$ 9.082,63, contando com combustível, alimentação, balsas, pedágios, hospedagem, campings, passeios, dinheiro levado em espécie, saques, compras no crédito, IOF.. Ao longo do relato vou detalhar os principais gastos.

    O trajeto, simplificado, foi:

    Sair de Vitória-ES e ir até Junin de Los Andes;
    Percorrer a Ruta dos Siete Lagos;
    Atravessar pro Chile e subir o Vulcão Osorno;
    Percorrer toda a Carretera Austral, parando em diversos pontos para realizar trekking;
    Atravessar a fronteira pelo Paso Rio Mayer;
    Fazer trilhas em El Chaltén;
    Realizar o Ice Trekking em El Calafate;
    Fazer trilhas em Torres del Paine;
    Seguir até Ushuaia, no fim da ruta 3;
    Retornar ao Brasil pela ruta 3.

    O 'carro', mais uma vez, foi minha Band curta 94. Minha band é original de motor, 14B aspirado, e completa de fábrica, com 5 marchas, ar quente e frio, direção e contagiros. As únicas mudanças são os jumelos dianteiros, que são invertidos, e o eixo traseiro, que é flutuante. Não possui bloqueios e tem relação 9x37. Utilizo pneus 31" BFGoodrich AT.
    Para essa viagem, comprei uma barraca de teto da Camping's World, o modelo de entrada, mais barato.
    Levei fogareiro, gás e comidas fáceis de serem preparadas.
    Algumas peças de reposição pro carro, como correias, fusíveis, tampa do radiador, mangueiras, fitas, abraçadeiras, parafusos e porcas diversas, cabo de chupeta, fluido de radiador, fluido de direção, fluido de freio, militec, filtros de óleo, diesel e ar, lâmpadas de seta e faróis. Além de chaves e ferramentas diversas para manutenção.
    Itens offroad como cinta de reboque, manilhas, pá, picareta, além do guincho instalado na Band.

    Durante toda a viagem eu usei o rastreador SPOT Gen3, que marca a sua localização a cada 10min e mostra em um mapa do google maps, em um link público ou privado. Além disso tem funções de mensagens pré programadas para serem enviadas para emails e celulares, e um botão com pedido de SOS que chega em uma central mundial de resgates.

    Questão de dinheiro. Levei certa quantia em espécie, real. O resto fiz saques internacionais e alguma coisa no crédito. Dei sorte que o dólar caiu absurdamente durante esse último mês e me ajudou nesses quesitos.

    Então é isso. Vou começar nos próximos posts a relatar e mostrar as fotos e experiências de cada lugar.

    Abraços

  2. #2
    Usuário Avatar de GuilhermeAdolf
    Entrada
    27/04/2013
    Local
    Cariacica/ES
    Idade
    27
    Posts
    253
    Agradecimentos: 15
    Bom, vamos lá.

    Saímos de Vitória às 4.30h da manhã e o objetivo era chegar até Registro - SP. Eram 1170km que foram cumpridos sem muita dificuldade. Era feriado, Sábado de Aleluia, as estradas estavam vazias. Não que eu colocasse 130 na band hehe mas dava pra manter bem o ritmo. Ritmo esse que costuma ser 90km/h no velocímetro, que resulta em torno de 83km/h no GPS. Gosto dessa velocidade porque resulta em um consumo bom e não faz o motor girar muito, ficando aí na casa dos 2000RPM.

    Abasteci um dia antes e completei os tanques. Esqueci de dizer, a band tem dois tanques, o original de 63 litros e um adaptado atrás dos amortecedores, de 80 litros. O de 80 litros é da Metalúrgica CLA, feito sob medida pro espaço, encaixa muito bem. São interligados pelos drenos por uma mangueira, o que às vezes me deixa preocupado com algo agarrar ali e arrebentar a mangueira. Mas fica meio protegido pelo eixo e travessas de baixo do carro.

    Geralmente não consigo completar o dianteiro, é danado pra afogar. Acredito que consiga andar com uns 120 litros pelo menos.

    Como dizia, abasteci um dia antes 74,793 litros, 223,64 reais, 2,99 por litro, com o odômetro marcando 3543,4 km.

    Nesse trecho parei pra abastecer próximo de São José dos Campos. Foram 92,19 litros, 258,03 reais, 2,799 por litro, com o odômetro marcando 4414,6 km.

    Optamos por passar pelo rodoanel, uma vez que não sabíamos como estaria o centro de SP. Ótimo, não havia uma alma viva na pista.

    Chegamos em Registro e dormimos em um Graal, que era bem grande e nos deixaram armar a barraca no fundo, próximo dos caminhões. Havia banho quente gratuito.

    O dia teve aproximadamente 91 reais de pedágios.

  3. #3
    Usuário Avatar de GuilhermeAdolf
    Entrada
    27/04/2013
    Local
    Cariacica/ES
    Idade
    27
    Posts
    253
    Agradecimentos: 15
    Saímos de Registro bem cedo, pegamos a estrada, porém hoje já encontramos trânsito. Principalmente no trecho do litoral catarinense. Muita gente que tinha ido passar o feriado de Páscoa nas praias estava voltando pela 101 pra Porto Alegre e região.

    O objetivo era seguir até São Gabriel, no RS. Porém conseguimos chegar só até Porto Alegre. Dormimos na casa de uma tia minha.

    O abastecimento do dia foi de 75 litros, 217,42 reais, 2,89 o litro e o odômetro marcava 5325,9km.

    Nesse momento, estávamos em dúvida se iríamos chegar até a Argentina, atravessando o Uruguai, passando por Santana do Livramento, ou por Uruguaiana, pegando a fronteira e todos os seus policiais corruptos de Entre Rios e Corrientes. Meu amigo Engels, que estava uns dias na minha frente e iria pra região da Villa Pehuenia, me deu a letra que a estrada dentro do Uruguai estava boa e que dava pra ir numa boa velocidade. Sendo assim, ficou combinado que iríamos pra lá no próximo dia.

    O dia teve aproximadamente 25 reais de pedágio. Detalhe para o ótimo estado de conservação da BR-101 no trecho gaúcho e catarinense, que não é pedagiado. O último pedágio foi em Palhoça.

  4. #4
    Usuário Avatar de Sérgio Bambirra
    Entrada
    19/10/2012
    Local
    Lavras/MG
    Idade
    55
    Posts
    293
    Agradecimentos: 6
    Sensacional Guilherme! Viagem dos sonhos!
    Acompanhando o relato e aguardando os próximos capítulos e as fotos; muitas, de preferência!

    Sds.
    ESMERALDA: verde, bruta e preciosa
    Band longa 84

  5. #5
    Usuário Avatar de GuilhermeAdolf
    Entrada
    27/04/2013
    Local
    Cariacica/ES
    Idade
    27
    Posts
    253
    Agradecimentos: 15
    Saímos de Porto Alegre um pouco mais tarde do que queria, porém pegamos uma estrada relativamente boa. Fomos pela BR-290 até Rosário do Sul, onde depois pegamos a 158.

    Pelo caminho, estávamos procurando um lugar pra trocar o óleo, porém não encontrávamos postos com serviço de troca de óleo, ou então faltava óleo. E logo foi chegando a hora do almoço, e no sul o pessoal fecha as lojas lá pro meio-dia e só volta 2, 3h da tarde. Então só consegui encontrar um filtro diesel, de uma hilux 2.8, que era compatível, e acabei comprando também um jogo de lâmpadas pro farol. Já estava com um queimado.

    Fiz um abastecimento na 290, foram 70 litros, 205,10 reais, 2,93 o litro e o odômetro marcava 6092,9 km.

    Chegamos de tardezinha em Santana do Livramento, e antes de atravessar a fronteira, precisava trocar o óleo da band e os filtros. Por azar, a cidade estava sem luz, e os postos BR não tinham rampa, apenas elevador. Ou seja, nada de óleo BR. Parti prum Ipiranga. Lá troquei o óleo, filtros de óleo, diesel e ar, verifiquei os óleos das caixas e acabei trocando a lâmpada logo. Serviço bom, mas o óleo não me agradou. Achei muito fino.. não sei, não gostei da aparência do óleo. Até o marcador de pressão do óleo trabalhou marcando menos. Pode ser só coincidência, mas fiquei incomodado.

    Consegui mais um filtro de diesel no posto e levei também mais 1 litro de óleo de motor, pra completar durante a viagem. A ideia era trocar de novo depois, na ARG ou CHL.

    Aproveitei e completei o tanque, uma vez que o combustível no Uruguai e na Argentina estavam mais caros que o Brasil.

    Foram 20,02 litros, 62,04 reais, 3,09 o litro e o odômetro marcava 6326,2 km.

    Fizemos um saque em real na cidade e nos dirigimos pra fronteira. Demos algumas voltas até achar a imigração uruguaia. Encontramos alguns cambistas e trocamos 50 reais por pesos uruguaios, na cotação de 8. Teríamos alguns pedágios para pagar no caminho. Também trocamos 300 reais por pesos argentinos, para garantir alguma coisa logo. A cotação foi de 0,27.

    No uruguai o caminho seria seguir de Rivera até Tacuarembó pela ruta 5, depois tomar a ruta 26 até o encontro com a ruta 3, descer e tomar a bifurcação para a ruta 24, que nos levaria até Fray Bentos, cidade que faz divisa com a argentina Gualeguaychú.

    Então entramos na imigração, fiz o meu trâmite com o passaporte, e meu amigo entregou a CNH pro responsável, que com uma resposta rápida disse que 'no vale nada' 'no tiene valor'. Bem, ele só tinha trazido a CNH, achou que era o suficiente pra passar pelos países do mercosul.. mas não rolou, e como não tinha trazido nem RG nem o passaporte, ficamos sem poder entrar no Uruguai. Cancelei meu visto e então decidimos seguir pra uruguaiana, tentar entrar por lá.. vai que né...

    Chegamos em uruguaiana de noite, fomos até a imigração e tivemos a mesma resposta. Sem chance. Só RG ou passaporte.

    Pois bem. Viagem sem dificuldades não é viagem, não é?

    Voltamos um pouco e paramos num posto Shell, enquanto decidíamos o que fazer. Como já era noite, não conseguíamos contato com as empresas de transporte expresso. Apenas a informação que o Sedex demorava 3 dias pra entregar o passaporte em uruguaiana. Muito tempo.

    Dormimos no posto.

  6. #6
    Usuário
    Entrada
    27/04/2015
    Local
    Campo Bom/RS
    Idade
    28
    Posts
    91
    Agradecimentos: 0
    Putz, sem RG não rola mesmo!

    Acompanhando os relatos
    Jimny 4All 2015 | PU3ETB
    Ex - Grand Vitara 4x4 2011
    Expedição San Pedro de Atacama - Chile

  7. #7
    Equipe de Apoio Avatar de Sergio c
    Entrada
    01/08/2012
    Local
    Flores da Cunha/RS
    Posts
    4,457
    Agradecimentos: 93
    A explicação sobre o RG e a CNH é que na época que foi feito um acordo do MERCOSUL sobre a documentação dos países a CNH brasileira não tinha foto, só os dados, aí foi acordado que não valeria.

    Só que a anos a CNH nossa tem foto mas agora depende dos políticos se mexerem e assinarem um novo acordo de documentação, mas sabe como é, depender de políticos............

    Há uns seis meses formos pescar na cidade Argentina de Esquina, uns 400km após Uruguaina, e para fazer o tal "permisso", só com o RG, expedido recentemente e em bom estado.
    ​HILUX SRX 2018 BAND 88 motorOM364LA(MB710) turbo interc, LDA flutuante 5M Guincho mecânico 4T DH, pneus 37, bloqueio tras a ar, diant Kayser disco 4R

  8. #8
    Usuário
    Entrada
    22/03/2005
    Local
    Beira Mar/RJ
    Posts
    1,092
    Agradecimentos: 0
    oops, viagem internacional SEM passaporte!?!?!?!

    E pro Chile, que não é mercosul, portanto, SOMENTE com passaporte!!!!


  9. #9
    Equipe de Apoio Avatar de jeisonk
    Entrada
    03/02/2006
    Local
    Nova Mutum/MT
    Idade
    42
    Posts
    6,645
    Agradecimentos: 0
    Passando aqui pra acompanhar a saga

    Abraços
    Jeison Krauspenhar .'.
    '92 Toyota Land Cruiser HDJ80 - Moranguinho + Reboque com 2 barracas CW

  10. #10
    Usuário Avatar de GuilhermeAdolf
    Entrada
    27/04/2013
    Local
    Cariacica/ES
    Idade
    27
    Posts
    253
    Agradecimentos: 15
    É.. Fui pego de surpresa também na hora. Ele disse que não havia trazido o Rg porque achou que a cnh valeria. E não trouxe o passaporte porque estava com visto dos eua e ficou com medo de perder o passaporte durante a viagem.

  11. #11
    Usuário Avatar de Engels Kbça
    Entrada
    14/06/2005
    Local
    Lauro de Freitas/BA
    Idade
    59
    Posts
    1,388
    Agradecimentos: 7
    Estou gostando.....e esperando os próximos capítulos.
    4X4 Brasil
    SW4 -2000 TD3.0- Ironman - General Grabber AT2 265 /70 - 16

  12. #12
    Usuário Avatar de Diogo_Vargas
    Entrada
    28/03/2014
    Local
    Porto Alegre/RS
    Idade
    33
    Posts
    388
    Agradecimentos: 2
    Depois de acompanhar todo o trajeto pelo Spot... quero ver esse relato dessa super viagem.

    Um abraço.
    BandRED - Curta - 91 - OM364 - 4 marchas

Classificados ANUNCIE GRÁTIS

AQUI VOCÊ ENCONTRA TUDO

Informações de Tópico

Usuários Navegando neste Tópico

Há 1 usuários navegando neste tópico. (0 registrados e 1 visitantes)

Tópicos Similares

  1. Informações sobre o Paso Rio Mayer (Entrada Mayer)
    Por GuilhermeAdolf no fórum Planejamento
    Respostas: 46
    Última resposta: 15/10/2018, 21:14
  2. Vitória -> Ushuaia e Carretera Austral - 02/16
    Por GuilhermeAdolf no fórum Planejamento
    Respostas: 35
    Última resposta: 01/07/2016, 09:38
  3. Ushuaia - Torres del Paine - El Calafate - Carretera Austral
    Por ramalho-vitoria no fórum Relatos de Viagem
    Respostas: 251
    Última resposta: 01/03/2015, 17:16
  4. Ajuda! SP - Ushuaia - Carretera Austral Julho/2014
    Por Gabriel Rio no fórum Planejamento
    Respostas: 51
    Última resposta: 23/05/2014, 18:37
  5. Sabará - Ushuaia fev 2013 - Curitiba Ushuaia Carretera Austral 2013
    Por Joneswalker no fórum Relatos de Viagem
    Respostas: 25
    Última resposta: 22/03/2013, 12:39

Tags para este Tópico

Permissões de Postagem

  • Você não pode iniciar novos tópicos
  • Você não pode enviar respostas
  • Você não pode enviar anexos
  • Você não pode editar suas mensagens
  • BB Code está Ligado
  • Smilies estão Ligados
  • Código [IMG] está Ligado
  • Código HTML está Desligado