x
Convex Datacenter
Resultados 1 a 8 de 8
  1. #1
    Usuário
    Entrada
    08/11/2011
    Local
    Natal/RN
    Posts
    19
    Agradecimentos: 0

    Junta do cabeçote - Jimny




    Pessoal, estou suspeitando que a junta do cabeçote do meu Jimny está queimada. Ele está perdendo água do sistema de arrefecimento, mas não encontro vazamento em lugar nenhum, dá uma média de 500ml a cada 10 dias (devo rodar pouco menos de 300km em 10 dias). E outro sintoma é que as mangueiras ficam bastante rígidas, com pressão, mesmo depois de 2 ou 3 dias com o carro parado, quando abro a tampa do radiador, sai bastante pressão. Porém não achei vestígios de água no óleo ou óleo na água.
    Pergunto: esses sintomas já são indícios de junta queimada?
    Algum de vocês já fez esse tipo de serviço? Recomendações? Custo? etc...etc...etc...

    Valew!
    Jimny 02/03

  2. #2
    Usuário
    Entrada
    30/05/2012
    Local
    Porto Alegre/RS
    Posts
    3
    Agradecimentos: 0
    olá, tenho o mesmo problema. Conseguiste resolver de que forma?

  3. #3
    Usuário
    Entrada
    27/07/2010
    Local
    porto alegre/RS
    Idade
    45
    Posts
    898
    Agradecimentos: 11
    Citação Postado originalmente por Gileno Ver Post
    Pessoal, estou suspeitando que a junta do cabeçote do meu Jimny está queimada. Ele está perdendo água do sistema de arrefecimento, mas não encontro vazamento em lugar nenhum, dá uma média de 500ml a cada 10 dias (devo rodar pouco menos de 300km em 10 dias). E outro sintoma é que as mangueiras ficam bastante rígidas, com pressão, mesmo depois de 2 ou 3 dias com o carro parado, quando abro a tampa do radiador, sai bastante pressão. Porém não achei vestígios de água no óleo ou óleo na água.
    Pergunto: esses sintomas já são indícios de junta queimada?
    Algum de vocês já fez esse tipo de serviço? Recomendações? Custo? etc...etc...etc...

    Valew!
    Pode ser junta ou uma trinca no cabeçote também.
    Toyota SW4 DLX 2.8D 93/94 "GUERRILLA" General Grabber AT² 265/70R15
    Suzuki Jimny 4Sport 2018 "King Jim"

  4. #4
    Usuário Avatar de Leo BA
    Entrada
    30/06/2011
    Local
    Salvador/BA
    Posts
    461
    Agradecimentos: 8
    Olá à todos!
    Já que desencavaram o tópico, depois de 7 anos parado.....
    Meu carro teve um episódio deste tipo aos 150 mil km rodados, mais ou menos, mas não perdia tanto fluido, o principal sintoma era o nível no vaso de expansão do radiador, que subia além do limite, quando quente, chegando a transbordar e não retornava completamente ao normal, depois de frio.
    Também, com o motor não muito quente e ao radiador completamente cheio, trabalhando em baixa, destampando-se o radiador, se percebia bolhas surgirem na boca do mesmo.
    Rodei durante uns 20 mil km nesta briga, inclusive trocando radiador, válvula termostática, levei em duas rezadeiras diferentes, e nada adiantou.....
    Um dia mostrei o problema pra um amigo, um gaúcho muito sabido, que cantou a pedra, na hora!
    "isso é junta queimada, tchê! barbada de arrumar!"
    E assim foi: trocamos a junta do cabeçote, aproveitamos pra substituir os retentores de válvulas e esmerilhá-las no capricho, na chupeta e com calma. Nada de esmerilhar na máquina! Uma ligeira descarbonizada nos pistões e cabeçote, completaram o serviço.
    Trocamos também o sensor de detonação (ô bicho caro!), que resolveu a grilada que dava perto da faixa vermelha.
    Já que o circo tava armado, trocamos também, velas, cabos e as bobinas (originais, caras pacarai também!).
    O carro ficou zero novamente, agora já com 180 mil km no clock, parece que saiu de fabrica, silencioso e com muita disposição, apesar dos pneus 225.
    O motor SN13 é bem tranquilo de botar no ponto, e o serviço, se tudo correr bem, dá pra ser feito ao longo de um dia.
    A junta queimada, pode também jogar um pouco de fluido pra dentro da câmara, elevando a compressão e favorecendo o motor grilar.
    Espero que consiga resolver facilmente!
    Sds
    Leonel
    OME Shocks + 1,5 " lift / HELLA Beams / SAFARY Snorkel / K&N / YAESU FT1900
    BRIDGESTONE D693 AT 225/75 - CHIP TUNNING - 2012 Japa

  5. #5
    Usuário
    Entrada
    30/05/2012
    Local
    Porto Alegre/RS
    Posts
    3
    Agradecimentos: 0
    Obrigado, Léo!

    Esclarecedor o teu relato. Comigo começou com o superaquecimento do motor M13A do Jimny 2014/15, 1.3. O reservatório transbordava e sempre acabava faltando água no sistema de arrefecimento, o que induzia mais ainda o superaquecimento. Chegou ao ponto de ter que repor água a cada 50 km rodados, ficou impossível!! A cada loja de entendidos em radiador foram me dando soluçôes que nunca resolveram por inteiro o problema.

    1- Primeira oficina de Radiador: Olha o radiador pelo bocal e viu que estava tudo limpo, sem incrustações visíveis. Verifica visualmente que a bomba d'água está fazendo circular a água, está funcionando. Então vamos fazer a medição de estanqueidade com monitoramento de pressão de 1,5 bar no bocal do radiador - não deu perda, tudo certo! me liberou, mas o superaquecimento continuo existindo

    2- Segunda oficina de Radiador: Então é a válvula termostática e vamos aproveitar e trocar a tampa do radiador também! Trocamos mas não resolveu o superaquecimento, piorou a situação - a válvula termostática e a tampa estavam boas, perda de tempo e dinheiro. A nova tampa do radiador que ele colocou estava com a especificação de trabalho errada, estava com 0,9 bar de pressão, por isso passei a perder mais água ainda. Comprei a tampa correta que é de 1,1 bar de pressão de trabalho.

    3- Terceira oficina de Radiador (aconteceu nas anteriores também): Então é a falta de aditivo!! foram colocando aditivos variados a cada oficina (um dos maiores erros!!!!!) "etilenoglicol é coisa do passado, o bom é o monoetilenoglicol", "o bom é o aditivo orgânico", "o bom é o inorgânico", ou seja, nunca coloque dois aditivos diferentes no mesmo sistema de arrefecimento, antes de colocar o próximo, esgote totalmente o atual e faça circular água limpa até tirar todo o aditivo anterior, só depois coloque o novo aditivo na diluição do fabricante. A mistura de dois aditivos diferentes cria uma reação química entre eles gerando uma "borra" que vai comprometer toda a eficiência da troca de calor!!!! isso é muito importante e uma das causas do meu superaquecimento.

    4-Quarta oficina de Radiador: Então é a presença de bolha de ar presa na tubulação!!! drenamos a água junto as conexões do radiador de ar quente, mas não adiantou, o problema persistiu! Então é o Ventilador do radiador que não está atuando! Bingo, o Gel térmico estava comprometido de fato, não atuava como devia para puxar o ar pelo radiador. Trocamos o Gel, a ventoinha passou a funcionar 100%, mas não resolveu o problema do superaquecimento ainda!!! Não sabia mais o que fazer!!! Léo, pensei também em buscar o uma Rezadeira ou fazer um despacho, PQP!!!

    5-Quinta oficina de Radiador: Ao comprar mais aditivo o mecânico me perguntou se eu estava usando o mesmo aditivo que ele estava fornecendo, disse que não e disse que já tinham misturados outros tantos. Ficou espantado com a conduta das outras oficinas, disso que isto era muito errado!! Foi olhar o estado do meu radiador, como sempre, no visual pelo bocal estava tudo limpo, sem incrustações. Ele pegou uma vareta metálica flexível e passou pelo bocal transpassando a tubo da colméia. Ao retirar se verificou que estava cheia de "borra", o mesmo aconteceu nos outros 3 tubos que era possível acessar daquela posição. Conclusão: o meu radiador estava entupido com a "borra" formada pelos diversos aditivos. Me encaminhou para outra oficina especializada em recuperação de radiadores.

    6-Sexta oficina de Radiadores - a grande solução para o superaquecimento!! Desmontaram o radiador e fizeram uma limpeza completa de todas os tubos da colméia, "envaretando" com a haste flexível, transpassando-as com líquido de limpeza apropriado. Se verificou que estava 70% entupido, a eficiência do meu radiador era só de 30% na troca de calor. Depois de montado o superaquecimento foi resolvido em definitivo!!!! Aleluia!!
    OBS: quando houver problema de superaquecimento, comecem pelo radiador, verificando se está realmente desentupido, fazendo o teste da vareta!! se sair um mínimo de resíduo, providencie a limpeza total do mesmo!

    Mas, mesmo não havendo mais o superaquecimento, comecei a ter esta perda de água persistente, que o Gileno relatou no início deste tópico. tinha que repor uns 500ml a cada 100 ou 150 km rodados. Então, só sobraram duas possibilidades de problemas que ainda podem ter no meu sistema de arrefecimento:

    1) Junta do cabeçote queimada, decorrente dos vários superaquecimentos (mas não ví presença de água no Óleo, mas também pode estar vazando para dentro dos cabeçotes) e,

    2) Fuga de água pelo radiador do ar quente (desconfio deste local por dois motivos: cheiro dentro do veículo similar a água do radiador, "cheiro levemente ácido" e baixa eficiência no aquecimento do ar - que pode ser também por causa da "borra" anteriormente relatada).

    Enfim, como perdi a paciência com tudo isso. Tomei a mesma providencia tua, Léo. Coloquei o Jimny na oficina ($$$$) esta semana para trocar todas as juntas superiores do cabeçote, aplainar o cabeçote e desmontar o radiador do ar quente para resolver de vez esta encrenca.

    Assim que eu pegar ele de volta, eu posto aqui as impressões do mecânico sobre o que ele encontrar.

    Valeu o relato de vocês, sempre ajuda muito! até+
    4X4 Brasil

  6. #6
    Usuário
    Entrada
    30/05/2012
    Local
    Porto Alegre/RS
    Posts
    3
    Agradecimentos: 0
    Pessoal, segue a solução encontrada para completar a informação que relatei anteriormente:

    Quando estava me preparando para trocar as juntas superiores do cabeçote, porque o resto já tinha feito tudo, o meu mecânico se deu o trabalho de fazer mais uma inspeção, a do radiador do ar quente. Depois de inspecionado meticulosamente, se verificou que de fato havia um vazamento no radiador do ar quente, ou seja, descobrimos o ponto de fuga do fluído do radiador, que deu causa a todo o resto de problemas que já relatei.

    Desta forma não foi preciso trocar as juntas do cabeçote, só trocar o radiador do ar quente (não deu para recuperar o anterior, muito frágil para solda comum).

    Ao meu ver, quando pressurizaram o sistema de arrefecimento para identificar fuga, esqueceram de acionar o botão do ar quente para abrir a válvula e assim se integrar ao sistema como um todo. Se não fizer isso, o radiador do ar quente não é testado quanto a fuga de pressão.

    Então fica a dica de também inspecionar o radiador do ar quente, dentro do painel (acesso complicado, mas não impossível).

    Feito a troca, não tive mais problemas de superaquecimento e nem de perda de fluído do radiador. Problema resolvido, finalmente!!!!

  7. #7
    Usuário
    Entrada
    28/05/2017
    Local
    Tanguá/RJ
    Idade
    47
    Posts
    5
    Agradecimentos: 0
    Muito obrigado por compartilhar , mais uma pro caderninho !

  8. #8
    Usuário Avatar de Leo BA
    Entrada
    30/06/2011
    Local
    Salvador/BA
    Posts
    461
    Agradecimentos: 8
    Citação Postado originalmente por Halthss Ver Post
    Pessoal, segue a solução encontrada para completar a informação que relatei anteriormente:

    Quando estava me preparando para trocar as juntas superiores do cabeçote, porque o resto já tinha feito tudo, o meu mecânico se deu o trabalho de fazer mais uma inspeção, a do radiador do ar quente. Depois de inspecionado meticulosamente, se verificou que de fato havia um vazamento no radiador do ar quente, ou seja, descobrimos o ponto de fuga do fluído do radiador, que deu causa a todo o resto de problemas que já relatei.

    Desta forma não foi preciso trocar as juntas do cabeçote, só trocar o radiador do ar quente (não deu para recuperar o anterior, muito frágil para solda comum).

    Ao meu ver, quando pressurizaram o sistema de arrefecimento para identificar fuga, esqueceram de acionar o botão do ar quente para abrir a válvula e assim se integrar ao sistema como um todo. Se não fizer isso, o radiador do ar quente não é testado quanto a fuga de pressão.

    Então fica a dica de também inspecionar o radiador do ar quente, dentro do painel (acesso complicado, mas não impossível).

    Feito a troca, não tive mais problemas de superaquecimento e nem de perda de fluído do radiador. Problema resolvido, finalmente!!!!
    Valeu pelo feedback!
    Esse radiador de ar quente, é um problema! Fura muito frequentemente!
    O do meu carro, está "bypassado", faz tempo!
    OME Shocks + 1,5 " lift / HELLA Beams / SAFARY Snorkel / K&N / YAESU FT1900
    BRIDGESTONE D693 AT 225/75 - CHIP TUNNING - 2012 Japa

Classificados ANUNCIE GRÁTIS

AQUI VOCÊ ENCONTRA TUDO

Informações de Tópico

Usuários Navegando neste Tópico

Há 1 usuários navegando neste tópico. (0 registrados e 1 visitantes)

Tópicos Similares

  1. junta do cabeçote
    Por ary nunes no fórum Land Rover
    Respostas: 4
    Última resposta: 29/11/2011, 18:43
  2. junta de cabeçote td5
    Por joao cj3a no fórum Land Rover
    Respostas: 4
    Última resposta: 28/04/2011, 11:37
  3. junta de aço do cabeçote
    Por tiagoandres no fórum Jeep Willys
    Respostas: 3
    Última resposta: 23/03/2008, 15:59
  4. junta do cabeçote
    Por ihaido no fórum Vendem-se Peças e Acessórios
    Respostas: 2
    Última resposta: 13/12/2005, 08:30

Permissões de Postagem

  • Você não pode iniciar novos tópicos
  • Você não pode enviar respostas
  • Você não pode enviar anexos
  • Você não pode editar suas mensagens
  • BB Code está Ligado
  • Smilies estão Ligados
  • Código [IMG] está Ligado
  • Código HTML está Desligado