x
Convex Datacenter
Página 5 de 16 PrimeiroPrimeiro 123456789101112131415 ... ÚltimoÚltimo
Resultados 49 a 60 de 189
  1. #49

  2. #50
    Usuário
    Entrada
    22/03/2013
    Local
    Florianopolis/SC
    Idade
    48
    Posts
    310
    Agradecimentos: 11
    Tenho um T4 2017 e por ora estou só apreciando as notícias e em nada absolutamente nada muda minha vontade antiga em ter este jipão. Mas de fato o caminho aos elétricos é sem volta. Ou o mundo se adapta às fontes energéticas renováveis ou todos estaremos fadados a extinção. E não estou pensando mim não .. penso nos meus futuros ascendentes. Por sinal eu tinha uma baita motocona inglesa de 800cv.. e após decepção com a marca falei que nunca mais pegaria moto. Cá estou eu novamente com uma só que agora que 100% elétrica. E não tem essa de problemas com água não minha gente lavo tudo com água abundância em todas as partes inclusive com ela ligada. E detalhe uma moto convencional tem lá por volta de 500-600 peças e partes sujeitas a fadiga, falhas, panes e por aí vai enquanto isto a motoca elétrica resume se a míseras 120,peças e partes ou seja a chance de falhas e problemas e em muito reduzido. Enfim o futuro é elétrico não tem jeito e o barulho do motor a diesel e a fumaça preta terão fim, pelo bem de todos

  3. #51
    Usuário
    Entrada
    27/07/2010
    Local
    porto alegre/RS
    Idade
    47
    Posts
    941
    Agradecimentos: 14
    Será que carro elétrico é tão limpo assim? De onde virá a energia pra recarregar as baterias? A demanda de energia irá aumentar exponencialmente, e só a solar não vai dar conta de todo esse aumento.

    Citação Postado originalmente por ASQ1973 Ver Post
    Tenho um T4 2017 e por ora estou só apreciando as notícias e em nada absolutamente nada muda minha vontade antiga em ter este jipão. Mas de fato o caminho aos elétricos é sem volta. Ou o mundo se adapta às fontes energéticas renováveis ou todos estaremos fadados a extinção. E não estou pensando mim não .. penso nos meus futuros ascendentes. Por sinal eu tinha uma baita motocona inglesa de 800cv.. e após decepção com a marca falei que nunca mais pegaria moto. Cá estou eu novamente com uma só que agora que 100% elétrica. E não tem essa de problemas com água não minha gente lavo tudo com água abundância em todas as partes inclusive com ela ligada. E detalhe uma moto convencional tem lá por volta de 500-600 peças e partes sujeitas a fadiga, falhas, panes e por aí vai enquanto isto a motoca elétrica resume se a míseras 120,peças e partes ou seja a chance de falhas e problemas e em muito reduzido. Enfim o futuro é elétrico não tem jeito e o barulho do motor a diesel e a fumaça preta terão fim, pelo bem de todos
    Toyota SW4 DLX 2.8D 93/94 "GUERRILLA" General Grabber AT² 265/70R15
    Suzuki Jimny 4Sport 2018 "King Jim"

  4. #52
    Usuário Avatar de luizcarlosw
    Entrada
    21/03/2017
    Local
    Sorocaba/SP
    Idade
    38
    Posts
    158
    Agradecimentos: 15
    Citação Postado originalmente por TCHEIGOR Ver Post
    Será que carro elétrico é tão limpo assim? De onde virá a energia pra recarregar as baterias? A demanda de energia irá aumentar exponencialmente, e só a solar não vai dar conta de todo esse aumento.
    Não é, isso é como os copos de papel que usava-se nas festas e era ecologicamente correto porque não gastava agua para lavar, mas derrubava árvore um absurdo, dai vieram os copos plásticos e embalagens plásticas para tudo ecologicamente correto pois não derruba arvore e é mais seguro, mas esta inundando o mundo de lixo plástico, ai estamos denovo aos canudos e copos de papel, que não gera plástico e assim o ciclo segue.

    Ecológico só vivendo como índio, comendo com a mão khdo no mato e limpando com folha de bananeira rs...

    Carro elétrico não precisa de óleo, que contamina a água do ambiente entre outras coisas dos carros a combustão, o que é um absurdo, não sei como a humanidade cria algo tão destrutivo... é muito sem noção ...., além de que a eficiência do carro elétrico é bem maior que um motor a combustão que perde 80% da energia em calor, isso é um absurdo ! O carro elétrico é muito melhor.

    O pior que pode ocorrer é contaminhar o solo com metais pesados por conta das baterias mal descartadas, o caso da Saturnia se procurar nas noticias aqui em Sorocaba é um exemplo. A mineração destes metais também não deve ser muito danosa.
    O aumento de usinas hidrelétricas que inundam áreas de proteção ambiental, tiram de animais que não serem para nada seu habitat, e o que é inundado se decompõe dentro d'água criando gás metano, que não é tão nocivo assim para o ambiente, basta pesquisar um pouco sobre os danos da construção de usinas.
    Mas para resolver isso podemos gerar energia nuclear que não inunda áreas que é um fato absursdo, só precisamos cuidar dos resíduos nucleares, ou jogados no fundo do mar no meio do oceano, pois ninguém vive lá, se vazar só dá uma coceirinha na pele e só passar pomada e tomar iodo que resolve.
    Podemos também criar usinas termelétricas, que tem perda bem menos queimando Diesel, Biomassa e gás no ambiente que um motor em cada carro, trocamos motorzinhos que são um absurdo para motorzões com melhor rendimendo, pois sabemos que as nossas linhas de transmissão não tem perda de energia, e nem haverá perda na carga de bateria dos veículos.
    Temos energia solar, que para produzir um painel usa a mesma energia que o mesmo vai gerar por toda sua vida útil ( na tecnologia de hoje ).
    Temos energia eólica, só precisamos instalar todas onde tem vento contínuo o que ocorre em qualquer lugar etc ...
    Álcool e Biodiesel são renováveis, são a solução afinal ninguém precisa comer, para de plantar comida e inunda as terras de cana, soja, mamona etc para girar as usinas. Comida ? Faz em laboratório porque é um absurdo o que se usa de agrotóxico e agua para plantar um alface, é mais negócio fazer ração de grilo, barata etc... só quem tem dinheiro vai comer carne, mas para soja, cana e mamona não tem problema afinal é isso que gera nossa energia, é isso que o mundo precisa, energia renovável !

    Emfim, novamente, ecológico só vivendo como índio, mas ao menos podemos tentar destruir o mínimo possível, para mim o que funciona é evitar o desperdício.

    Por exemplo, você não precisa de um carro de uma tonelada para andar 5km para ir ao trabalho, desconsiderando dias de chuva a migração de uso do carro para um monociclo elétrico faria muito mais sentido vai consumir muito menos energia que um carro para um deslocamento pequeno. Esse tipo de transporte sim faria a diferença.

    É pensar em só usar o que precisa, e o quanto ainda for útil, parar com este negócio de trocar porquê saiu o modelo novo. "Putz mas dai vai ter uma crise mundial, o capitalismo precisa de fluxo contínuo de vendas, vamos perder empregos, precisamos da obsolescência programada agindo tornando tudo obsoleto o mais rápido possível" è pois é tem razão isso é um absurdo...

    Enfim tirando todos os absurdos que hoje tudo é muito polarizado, a única certeza é que tudo muda e temos que os adequar, e as mudanças sempre no fundo vão beneficiar o mundo capitalista e as corporações primeiro. Tornar o carro à combustão obsoleto e um negócio absurdamente lucrativo e que vai gerar muito emprego, derrepente quem tinha seu corsa classic andando bem e não precisa mais de que isso pois é não vive no mundo dos que gostam de ter carro do ano para ir de A a B, e esta empacando as vendas de carro vai se sentir culpado, e partir para comprar um elétrico, do dia para a noite "o carro de ninguém presta", é um baita negócio.

    Tudo tem um lado bom e um lado ruim, duvide do que é vendido como bom de mais ou ruim demais, ser ecológico é um grande negócio a ser explorado metade das vezes ajudando o ambiente de lambuja, outra metade pseudo ajudando...
    4X4 Brasil
    Tracker/Grand Vitara 2.0 08 - lift 1"

  5. #53
    Usuário Avatar de Walter da Camper
    Entrada
    25/11/2011
    Local
    Bragança Paulista/SP
    Idade
    52
    Posts
    2,054
    Agradecimentos: 55
    Excelente análise.
    Eu só acrescentaria que a comparação com o índio, refere-se às poucas aldeias que ainda não sofreram muita influência da sociedade, porque o índio de hoje cria gado, extrai pedras preciosas, usa calça jeans, iphone e anda de Hilux.

  6. #54
    Equipe de Apoio Avatar de Sergio c
    Entrada
    01/08/2012
    Local
    Flores da Cunha/RS
    Posts
    5,112
    Agradecimentos: 117
    Concordo em partes. Adquirir os produtos modernos com inovação tecnológica e tendo uma gorda conta bancária é uma coisa, adquirir(tentar) com o bolso liso ou quase(80% do brasileiro) é beeeeem diferente, caso das geladeiras que vc citou tb. . Suponhamos que o governo federal fizesse uma pesquisa com os proprietários de automóveis-camionetes perguntando e eram a favor da modernidade, de ter veículos elétricos, 95% concordariam. Mas se o mesmo pesquisador dissesse que o veículo do vivente, de 5,10,20k ia ter que ser dado quase de graça p um desmanche e esse mesmo proprietário teria que comprar um elétrico de 100-150k, CSS muito longe de casa e atc, aí a opinião se inverte, 95% por cento não iam querer a modernidade hehehe. Um exemplo um cara que tem uma Ferrari de um milhão e vai ser proibido de circular por ser motor a combustão. Ele vai por a Ferrari dentro da sala e comprar dois Teslas elétricos de 500k cada p circular. Agora, tente explicar isso a um pedreiro com sua D20, que trabalha no sol p sustentar sua família e as vezes coloca um pneu recapado, uma bateria usada p sobrar uns Reais no bolso...Com dinheiro sobrando tudo fica fácil, tipo a Noruega, país pequeno e quase todo mundo "rico". Não sou contra a inovação tecnológica, mas no caso do Brasil, tem que ser muito bem pensado... Outra questão é a energia elétrica. Moro em uma região bem servida, inclusive passam linhas de transmissão por perto, sendo que em domingos de manhã, meço a voltagem com um voltímetro e chega os 220v. Mas quando meço as 20h, tem dias que chega menos de 200v, isso que a produção industrial e o PIB estão quase parados no Brasil. Agora junte as 20h mais uns 10 milhões de gente carregando as baterias dos carros, camionetes e caminhões elétricos....Vai ser apagão p todo lado hehehe.
    Citação Postado originalmente por Jorgao Ver Post
    Sergio, o projeto contempla todos intempéries que você imaginar. Falhas ocorrem, óbvio, mas água, qualquer projeto automotivo considera. Nos trollers algo mal pensado foi o pinga-pinga do eixo do limpador em cima da caixa de fusíveis, por exemplo. Mas, obviamente isso é bem fácil de resolver pra qualquer jipeiro. Veja no caso do Troller, tanto na adoção dos MWM 2.8 em 2001, quando da adoção do NGD 3.0, em 2006:

    Em ambos, não existe central/caixa elétrica no compartimento do motor. Tudo fica no interior do veículo, na altura do volante. No caso dos 3.0, módulo de injeção fica atrás/acima do porta luvas e é vedado de fábrica. Decisões tomadas pensando na utilização off-road e bem razoáveis. Veja bem:

    Você vai pra trilha sem carteira, sem documentos, sem celular, sem câmeras, sem alimentos, sem nenhum tipo de bagagem (roupas, acessórios, etc)? Se a água ultrapassou a altura do volante de um jipe, tudo isso foi pro brejo.

    Ainda que ultrapasse, tanto num 2.8 quanto num 3.0, isso não causa a parada do veículo, mas obviamente exigirá desmontagem de todo painel e caixa de ar para limpeza e higienização. O tanto de trabalho de desmontagem é pequeno comparado a retirar fusíveis e relês e dar um banho de limpa-contato tanto pra 2.8 quanto pra 3.0, pois ambos vão precisar estar com lanternas, faróis baixos, faróis altos, setas, alertas, limpador de parabrisa, tomada 12V, guincho, painel (velocímetro, conta giro, marcador de combustível), ventilador interno, ar-condicionado (para os que usam), vidros e travas elétricas (para os que tem), alarme (dificil achar um 4x4 sem um), etc, tudo isso funcionando pra sair da trilha e trafegar em estradas seguramente, com conforto e respeitando a legislação.

    Agora, se o camarada disser que não precisa de nenhum acessório desses, que não leva documento, celular etc. Ele está com o veículo errado, pois não faz sentido andar com um veículo cabinado nessas situações e é melhor usar uma gaiola rebocada pros eventos, ou seja, seria outro mercado. Infelizmente, existe muita lenda, muita paixão e muita hipocrisia no nosso meio. Já ouvi de um dono de troller 2.8 que faz expedição sem os bancos traseiros e com caixas até o teto de peças de reposição e tralhas (embreagem, rolamentos, cruzetas, luva do cardã, mangueiras, e tudo mais que você puder imaginar que pode estragar numa trilha) reclamar que ficou na mão com um 3.0 porque arrebentou a correia do alternador e ficou difícil dirigir pois ficou sem direção hidráulica. E no 2.8 é tocado por engrenagem, então seria só ir trocando a bateria (ele tinha 5 baterias reservas nessas expedições), já que obviamente o alternador que precisa de correia em ambos não estaria carregando. Ah é claro, e mesmo assim, depois disso, ele passou a carregar a correia do 2.8, que assim como do 3.0, é barata e não ocupa espaço algum. Esse tipo de hipocrisia é que mais tem no nosso, meio, principalmente nos lançamentos, nas novidades. E é apenas prejudicial, é como uma cegueira proposital e direcionada.

    Um projeto de um 4x4 elétrico para um mercado de nicho como do Troller, precisa minimamente atender a esses mesmos requisitos. E é muito mais fácil atendê-los com um motor elétrico. A confiabilidade de um veículo com motor elétrico, não tenha dúvida, vai superar em MUITO qualquer motor a combustão, como alguns estudos já estão demonstrando e é exatamente por isso que governantes já estão estipulando a proibição de VENDA e inclusive a proibição de CIRCULAÇÃO. Ou seja, veículos a combustão, em um futuro não muito distante estarão sim, somente nos museus.
    ​HILUX SRX 2018 BAND 88 motorOM364LA(MB710) turbo interc, LDA flutuante 5M Guincho mecânico 4T DH, pneus 37, bloqueio tras a ar, diant Kayser disco 4R

  7. #55
    Usuário
    Entrada
    22/03/2013
    Local
    Florianopolis/SC
    Idade
    48
    Posts
    310
    Agradecimentos: 11
    Até onde me consta a energia hidráulica é fonte renovável ou estou errado. Não estou falando do impacto ambiental para a geração de energia que aí sim são outros 500
    4X4 Brasil

  8. #56
    Usuário Avatar de luizcarlosw
    Entrada
    21/03/2017
    Local
    Sorocaba/SP
    Idade
    38
    Posts
    158
    Agradecimentos: 15
    Citação Postado originalmente por ASQ1973 Ver Post
    Até onde me consta a energia hidráulica é fonte renovável ou estou errado. Não estou falando do impacto ambiental para a geração de energia que aí sim são outros 500
    Sim está correto, o problema está em vender isso como "100% ecologicamente correto" e "sem impactos ao meio ambiente" ou como "energia limpa", que podemos utilizar deste recurso à vontade.
    Não é 100% limpo há impactos ambientais grandes, só a parte bonita e que interessa é evidenciada.

    Ações como "vou entrar na farmácia mas deixa meu carro ligado com o ar gelando que não quero voltar para ele quente" ou "deixar o ar da minha casa ligado para eu chegar e já estar geladinha sempre", "tenho poço artesiano assim posso lavar todo dia minha calcada com água pois não esta vindo da represa", "Carro elétrico é amigo do meio ambiente, troque seu carro semi-novo á combustão inteiro que destrói o planeja por um elétrico 0 que salva o planeta, depois troque denovo todo ano que desmanchamos o velho" essas são ações incentivadas pela "energia limpa" porque quando mais você consome mais a economia gira, mais se produz, mais serviço se usa, mais empregos se cria etc... É um luxo que se você tem dinheiro paga, afinal é bom esbanjar, mas a economia de materiais está longe de ser um ciclo fechado, a conta acaba em algum lugar só muda-se onde, ou esconde-se onde principalmente.

    Ok estamos otimizando mas ainda não existe nada magicamente limpo que vai salvar a humanidade, o carro elétrico não vai salvar a humanidade e não é "verde", está longe disso ... Talvez quando aumentar a produção consigam reciclar 100%, o carro seja desmanchado façam-se novas baterias a partir das antigas, pneus a partir dos usados etc ... sem precisar extrair mais nada e sem ter de queimar ou enterrar resíduos, mas tenho certeza que não vou ver isso em vida...

    Dai voltando à Troller, espero que se mantenha, se elétrico vai ser diferente, muito bom de um lado vai ter muita coisa ruim também que não da para saber exatamente o quê apenas ter idéia pelos eletrônicos que usamos hoje, mas com certeza ser verde porque ele é elétrico ele não será, vai poluir com pneus, com metais pesados das baterias na extração e no descarte, por gerar CO2 no ambiente quando carregamos ele para passear na bandeira vermelha que é onde o Brasil aciona as termelétricas etc...

    Que salvem a Troller !
    4X4 Brasil
    Tracker/Grand Vitara 2.0 08 - lift 1"

  9. #57
    Citação Postado originalmente por luizcarlosw Ver Post
    Sim está correto, o problema está em vender isso como "100% ecologicamente correto" e "sem impactos ao meio ambiente" ou como "energia limpa", que podemos utilizar deste recurso à vontade.
    Não é 100% limpo há impactos ambientais grandes, só a parte bonita e que interessa é evidenciada.

    Ações como "vou entrar na farmácia mas deixa meu carro ligado com o ar gelando que não quero voltar para ele quente" ou "deixar o ar da minha casa ligado para eu chegar e já estar geladinha sempre", "tenho poço artesiano assim posso lavar todo dia minha calcada com água pois não esta vindo da represa", "Carro elétrico é amigo do meio ambiente, troque seu carro semi-novo á combustão inteiro que destrói o planeja por um elétrico 0 que salva o planeta, depois troque denovo todo ano que desmanchamos o velho" essas são ações incentivadas pela "energia limpa" porque quando mais você consome mais a economia gira, mais se produz, mais serviço se usa, mais empregos se cria etc... É um luxo que se você tem dinheiro paga, afinal é bom esbanjar, mas a economia de materiais está longe de ser um ciclo fechado, a conta acaba em algum lugar só muda-se onde, ou esconde-se onde principalmente.

    Ok estamos otimizando mas ainda não existe nada magicamente limpo que vai salvar a humanidade, o carro elétrico não vai salvar a humanidade e não é "verde", está longe disso ... Talvez quando aumentar a produção consigam reciclar 100%, o carro seja desmanchado façam-se novas baterias a partir das antigas, pneus a partir dos usados etc ... sem precisar extrair mais nada e sem ter de queimar ou enterrar resíduos, mas tenho certeza que não vou ver isso em vida...

    Dai voltando à Troller, espero que se mantenha, se elétrico vai ser diferente, muito bom de um lado vai ter muita coisa ruim também que não da para saber exatamente o quê apenas ter idéia pelos eletrônicos que usamos hoje, mas com certeza ser verde porque ele é elétrico ele não será, vai poluir com pneus, com metais pesados das baterias na extração e no descarte, por gerar CO2 no ambiente quando carregamos ele para passear na bandeira vermelha que é onde o Brasil aciona as termelétricas etc...

    Que salvem a Troller !
    Quem vai ter condições de comprar um Troller elétrico no Brasil? Não vai sair por menos de 300 mil reais.

  10. #58
    Usuário Avatar de Walter da Camper
    Entrada
    25/11/2011
    Local
    Bragança Paulista/SP
    Idade
    52
    Posts
    2,054
    Agradecimentos: 55
    Uma tendência que eu tenho percebido nas trilhas é o uso dos UTV no lugar dos jipes.
    Por ser um veículo não emplacado, o UTV não se sujeita às normas gerais aplicadas aos veículos automotores comuns (limites de emissão, air bag, abs, tipo de combustível...).
    Eu, particularmente, não vejo lógica pagar 160mil dinheiros num veículo que não pode rodar em vias públicas e tem que ser transportado até as trilhas, já que pelo mesmo preço posso comprar um Troller que, além de fazer trilha, serve para viajar, ir ao trabalho, levar criança na escola, ou seja, faz muito mais funções pelo mesmo preço. Mas vejo bastante gentes que pensa diferente.
    Nesse cenário, será que vale à pena investir num projeto totalmente novo de jipe elétrico que possa ser emplacado?
    Já foi dito em alguma parte desse forum que no futuro o esporte off-road ficará limitado a locais fechados (fazendas que abrem trilhas e cobram por isso), diante das restrições ambientais nas matas do governo.
    Eu acrescentaria nessa profecia, além de locais fechados, o off-road no futuro será com veículos diferentes daqueles que usamos nas ruas, possivelmente alugados pelos próprios parques off-road.

  11. #59
    Usuário Avatar de luizcarlosw
    Entrada
    21/03/2017
    Local
    Sorocaba/SP
    Idade
    38
    Posts
    158
    Agradecimentos: 15
    O UTV sinto que só profissionalizou a produção de gaiolas offroad e bajas que é um mercado artesanal mas relativamente grande.
    Mas como o preço não chegou nem aos pés de uma gaiola eles decidiram focar em alto desempenho para pegar o nicho de quem leva a sério brincar de gaiola.

    Do offroad "morrendo", hoje ja é muito mais difícil achar lugares para se praticar offroad raiz que é chegar a lugares inóspitos que 15 anos atrás, na nossa região calçaram castelhanos, calçaram a serra de Parati, calçaram a serra da macaca, asfaltaram muita região de chácaras, lotearam muita fazenda e margem de represa etc ... junto com a popularização dos SUVs que começou em meados de 2000 com a eco veio o turismo rural e tudo está ficando comercial ... só que ecosport não pega trilha de verdade, assim precisaram adequar os acessos para estes crossovers pseudo SUVs, e porque não carros comuns para todos aproveitarem o campo.

    Só não asfaltaram as dunas no Ceará e Rio Grande do Norte porque elas se movem, senão ja tinha acesso feito para tudo que é lado rs...

    Acho que no futuro realmente a tendência é os caminhos divertidos virarem circuitos fechados e aos pouco sumirem os lugares inóspitos ...
    4X4 Brasil
    Tracker/Grand Vitara 2.0 08 - lift 1"

  12. #60
    Citação Postado originalmente por Sergio c Ver Post
    Concordo em partes. Adquirir os produtos modernos com inovação tecnológica e tendo uma gorda conta bancária é uma coisa, adquirir(tentar) com o bolso liso ou quase(80% do brasileiro) é beeeeem diferente, caso das geladeiras que vc citou tb. . Suponhamos que o governo federal fizesse uma pesquisa com os proprietários de automóveis-camionetes perguntando e eram a favor da modernidade, de ter veículos elétricos, 95% concordariam. Mas se o mesmo pesquisador dissesse que o veículo do vivente, de 5,10,20k ia ter que ser dado quase de graça p um desmanche e esse mesmo proprietário teria que comprar um elétrico de 100-150k, CSS muito longe de casa e atc, aí a opinião se inverte, 95% por cento não iam querer a modernidade hehehe. Um exemplo um cara que tem uma Ferrari de um milhão e vai ser proibido de circular por ser motor a combustão. Ele vai por a Ferrari dentro da sala e comprar dois Teslas elétricos de 500k cada p circular. Agora, tente explicar isso a um pedreiro com sua D20, que trabalha no sol p sustentar sua família e as vezes coloca um pneu recapado, uma bateria usada p sobrar uns Reais no bolso...Com dinheiro sobrando tudo fica fácil, tipo a Noruega, país pequeno e quase todo mundo "rico". Não sou contra a inovação tecnológica, mas no caso do Brasil, tem que ser muito bem pensado... Outra questão é a energia elétrica. Moro em uma região bem servida, inclusive passam linhas de transmissão por perto, sendo que em domingos de manhã, meço a voltagem com um voltímetro e chega os 220v. Mas quando meço as 20h, tem dias que chega menos de 200v, isso que a produção industrial e o PIB estão quase parados no Brasil. Agora junte as 20h mais uns 10 milhões de gente carregando as baterias dos carros, camionetes e caminhões elétricos....Vai ser apagão p todo lado hehehe.
    Com certeza, temos um caminho longo pra percorrer ainda hehe. E concordo também com os argumentos que o luiz expôs sobre poluição. Mas, se a coisa vingar, com todas as adequações necessárias e após o efeito novidade passar, barateando as tecnologias, seria um cenário interessante. De tudo que foi falado, o que acho que faria mais falta é o ronco que gostamos tanto hehe

Classificados ANUNCIE GRÁTIS

AQUI VOCÊ ENCONTRA TUDO

Informações de Tópico

Usuários Navegando neste Tópico

Há 1 usuários navegando neste tópico. (0 registrados e 1 visitantes)

Tópicos Similares

  1. Encerrar anúncio em post
    Por Emerson Höpner no fórum Suporte
    Respostas: 5
    Última resposta: 22/06/2015, 09:21
  2. Encerrar ou Trancar tópicos
    Por Marisco Off Road no fórum Suporte
    Respostas: 0
    Última resposta: 16/05/2014, 21:36
  3. Tracker - fim da fabricação ?
    Por thiago-nit no fórum Suzuki
    Respostas: 2
    Última resposta: 21/06/2009, 00:00
  4. Fabricaçao de carroceria
    Por jipeiro_4x4 no fórum Rural, F-75 e F-85
    Respostas: 1
    Última resposta: 20/08/2008, 10:02

Tags para este Tópico

Permissões de Postagem

  • Você não pode iniciar novos tópicos
  • Você não pode enviar respostas
  • Você não pode enviar anexos
  • Você não pode editar suas mensagens
  • BB Code está Ligado
  • Smilies estão Ligados
  • Código [IMG] está Ligado
  • Código HTML está Desligado

Change privacy settings Alterar definições de privacidade