x
Convex Datacenter
Página 3 de 3 PrimeiroPrimeiro 123
Resultados 25 a 35 de 35
  1. #25
    Usuário Avatar de Fabil
    Entrada
    23/09/2003
    Local
    Belo Horizonte/MG
    Idade
    43
    Posts
    7,442
    Agradecimentos: 3



    Policarpo...

    se eu amigo arrematou um por 5mil e funcionando ele é um AZARAO... nao foi 15mil nao??? pq eu tb acompanho leiloes e os ultimos que vi de JPXs da policia é como o babiski disse, eram SUCATAS, LIXO, tudo detonado, canibalizado e tinha nego doido pagando 8mil, 9 mil e tudo lixo!!
    Fabiano - Samurai speedporco - BH-MG
    Cherokee XJ 2.5TD

  2. #26
    Usuário Avatar de Léo_Babiski
    Entrada
    07/07/2006
    Local
    Belo Horizonte/MG
    Idade
    39
    Posts
    1,129
    Agradecimentos: 0
    Nesse ultimo leilão foi mais negócio pegar uma Land 110 97/98 (canibalizada, aparentemente sem a caixa de transferência) por R$ 16.000,00 do que quase R$ 10.000,00 num J lona.

    Em tempo: no próximo leilão tem, mais duas Land 110.

  3. #27

    JPX ou CJ5. Iniciar em 4x4 com qual ?

    Caro amigo,
    Como dito acima, são completamente diferentes. Tenho um JPX pois o CJ5 não me atenderia, ele roda por mês cerca de 1000 km no alfalto e 200 km estrada de terra (quando sol) e sempre carregado com mâe de 80 anos bagagem e dois cães, pode imaginar isto num CJ? ... e são quatro anos nessa balada e só foi rebocado uma vez e tem autonomia de no mínimo 800 km com um tanque de diesel
    Pode ser que para seu uso o CJ seja mais apropriados, se minhas saídas tivessem até 60 km de casa, eu teria um CJ.
    Tudo resume-se em prazer e custo benefício. Dá prá juntar os dois.

  4. #28
    Olá, escrevo pois já tive dois CJ`s-5 e hoje tenho um J.

    Pra mim o CJ-5 não é um Jeep, é um mito, tal qual uma guitarra Fender por exemplo, e isso lhe confere características e uma beleza única.

    Quando tive os CJ`s-5, isso no meu caso, só consegui deixá-los em condiçoes de trilha pesada após adaptar muitas melhorias, e praticamente ter que refazer ambos, isso porque os coitadinhos eram mais velhos que eu, e não há configuração mecanica que resista eternamente ao tempo e naturalmente precisam de reforma e alteraçoes.

    Quanto ao J simplesmente me livrei do motor original, o XUD, em troca de um AP, calcei a suspensão, troquei os pneus e apertei o da direita, hehehe

    Quanto a aptdão de ambos para trilha o J realmente impressiona, com pneu semelhantes o J vai onde não ia com os dois CJ`s. Volto a lembrar que essas não é uma opinião, é apenas uma constatação, e que respeito a opinião e experiencia de todos.

    Porem o que me fez realmente trocar o modelo da viatura foi o conforto, tanto na trilha como no uso urbano. Com o J consegui convencer minha mulher a entrar no Jipe e fazer trilhas e viagens de 500Km com grau de reclamação intermediário, o que se tratando da minha mulher já me dou por satisfeito, hehehe.

    Há um "causo" que vale a pena contar, quando cheguei com o J pela primeira vez no Jipe clube que frequento todo mundo só faltou me chamar de louco pra baixo, por ter trocado o CJ. Todo mundo acreditava que não era Jipe de trilha que não ia aguentar meu pezinho de chumbo etc etc, e hoje metade do pessoal está procurando um J pra comprar.

    Bom é isso, acho que ambos são ótimas opçoes, boa sorte na escolha e compra da viatura!!!

  5. #29
    Moderador Avatar de gvogetta
    Entrada
    08/03/2003
    Local
    Curitiba/PR
    Idade
    45
    Posts
    1,538
    Agradecimentos: 2
    Salve!

    Já que reavivaram este tópico, vamos lá... Também tenho experiência com ambos

    CJ (Jeep Willys/Ford) é clássico, verdadeiro mito como já citaram vários companheiros. Realmente um excelente jipe, especialmente para trilhas com algum preparo. Não comporta viagens com conforto. O meu CJ, na época - primeira viatura 4x4 - (lá se vão 13 anos) - quase todo original e com pneus militares (candango) até ia bem na trilha. A manutenção não era cara mas era constante. Difícil um FDS de trilha ou passeio que não voltasse com algo quebrado. Acho que ná época o pé também não ajudava muito...

    JPX é outro nível, que me desculpem os amantes do clássico! Conforto em viagens/expedições e uma excelente suspensão no off road. Tem muita força (mesmo com power train original Peugeot/Carraro) que se estiver em ordem (o que é difícil hoje, dado o histórico de problemas e manutenção incorreta destes veículos) aguenta muito abuso... É pau prá toda obra!

    Um Jota hoje repotencializado (MWM/Maxion - Eaton/Clark - Dana 44 - Bloqueio de diferencial), mantendo as características originais de sua suspensão, creio ser a melhor opção de jipe que se pode montar para uso misto - expedições e trilhas.



    Abraço a todos,



    P.S.: Sou bastante suspeito para falar de JPX. Os que me conhecem sabem...



  6. #30
    Usuário Avatar de netto mietto
    Entrada
    05/03/2008
    Local
    Porto Feliz/SP
    Idade
    42
    Posts
    1,497
    Agradecimentos: 0
    adoro os cj acho lindo e maravilhoso + nao troco meu jpx por um.

  7. #31
    Cara compra um Niva!

    Brincadeirinha, entrando no assunto do topico eu sou mais um JPX se vc quizer pegar aquele seu avô que adora uma pescaria e sacrificar seu bom e velho sabado de trilhas para levar ele para pescar naquele riozinho que fica uns 40Km da sua cidade cara ai vc vai sentir a diferença não so vc até o seu avô vai sentir a diferença.Por tanto vai de JPX, eu tenho um Niva não me desfaço dele mas tenho uma vontade de ter um JPX.

    Aproposito Niva também não uma proposta tão ofensiva assim o meu vai no mesmo lugar onde aquele troller,JPX,CJ,Toyota,Vitara e outros vai.

    Bom mas gosto e gosto ne.Sobre tudo a decisão e sua.

    Ta pensando oque meu Niva é fod*.

  8. #32
    Usuário Avatar de TTJPX
    Entrada
    09/10/2008
    Local
    Betim/MG
    Idade
    46
    Posts
    271
    Agradecimento: 1
    Eu também tive os dois, um CJ 69 com motor original 6cil e cambio 3m.
    No meu ponto de vista os CJs apresentam os seguintes problemas, quando se pretende usar em viagens:
    - Baixa velocidade em estradas (60, 70Km/h).
    - Pouco fôlego do motor.
    - Baixa autonomia (tanque 40l.).
    - Alto consumo de combustível (6, 6.5Km/l.).
    - Pouco espaço na dianteira para pessoas de maior estatura. O volante encosta na perna.
    - Não tem espaço para bagagens.
    - Vaza muito óleo da reduzida.

    Em trilhas se comporta bem. Costuma não "pegar" quando para no meio do morro, porque afoga.
    O meu so quebrou uma vez na trilha, suporte do jumelo da suspensão.

    Meu jota tem motor original, repotencializado. Anda bem até 90Km/h. Média de consumo de 10Km/h. Tem espaço para bagagens (cabe uma mala grande). Tanque 80l (grande autonomia).

    Enfim. Não vou ficar enumerando diferenças entre esses dois jipes.
    O Willys é nostágico, chama muita atenção por onde passa. Vai bem na trilha e só.
    Para uso misto, trilhas leves ou pesadas, viagens, é sem duvida o JPX.

    abs
    Wander
    JPX Super XUD.
    JPX TDI ATD.

  9. #33
    Usuário Avatar de RevS
    Entrada
    22/10/2010
    Local
    Caraguatatuba<>São Sebastião/SP
    Posts
    443
    Agradecimentos: 0
    Citação Postado originalmente por Chiari Ver Post
    Olá, escrevo pois já tive dois CJ`s-5 e hoje tenho um J.

    Pra mim o CJ-5 não é um Jeep, é um mito, tal qual uma guitarra Fender por exemplo, e isso lhe confere características e uma beleza única.

    Quando tive os CJ`s-5, isso no meu caso, só consegui deixá-los em condiçoes de trilha pesada após adaptar muitas melhorias, e praticamente ter que refazer ambos, isso porque os coitadinhos eram mais velhos que eu, e não há configuração mecanica que resista eternamente ao tempo e naturalmente precisam de reforma e alteraçoes.

    Quanto ao J simplesmente me livrei do motor original, o XUD, em troca de um AP, calcei a suspensão, troquei os pneus e apertei o da direita, hehehe

    Quanto a aptdão de ambos para trilha o J realmente impressiona, com pneu semelhantes o J vai onde não ia com os dois CJ`s. Volto a lembrar que essas não é uma opinião, é apenas uma constatação, e que respeito a opinião e experiencia de todos.

    Porem o que me fez realmente trocar o modelo da viatura foi o conforto, tanto na trilha como no uso urbano. Com o J consegui convencer minha mulher a entrar no Jipe e fazer trilhas e viagens de 500Km com grau de reclamação intermediário, o que se tratando da minha mulher já me dou por satisfeito, hehehe.

    Há um "causo" que vale a pena contar, quando cheguei com o J pela primeira vez no Jipe clube que frequento todo mundo só faltou me chamar de louco pra baixo, por ter trocado o CJ. Todo mundo acreditava que não era Jipe de trilha que não ia aguentar meu pezinho de chumbo etc etc, e hoje metade do pessoal está procurando um J pra comprar.

    Bom é isso, acho que ambos são ótimas opçoes, boa sorte na escolha e compra da viatura!!!

    concordo praticamente em tudo até na questao de fazer minha esposa entrar em um Jipe, meu interesse por esse tipo de carro ja vem de algum tempo porem nunca tive muito como realizar essa vontade mas agora decidi quero ter meu 4x4 (sonho de consumo Hilux 3.0 Turbo Diesel tanto faz se a cabine dupla ou a sw4 mas 130 mil ainda é algo bem distante quem sabe um dia ganho na mega) pois bem tive a mesma duvida entre o cj e o j

    cj chama atençao por onde anda todos olham os j nao vi nenhum de perto mas pego como exemplo do pessoal do forum e isso me fez decidir que assim que tiver a oportunidade vou comprar um j pra mim... o do portugues ta bem bacana nas fotos... motor a disel da hilux 2.8 talvez compre um e va arrumaando conforme vai sobrando dinheiro, eh uma brincadeira cara porem creio que seja muito prazerosa ter uma viatura valente e confortavel... acho que essas sao as palavras que definem o J VALENTES E CONFORTAVEIS (nao falo por experiencia na causa e sim pelos comentarios e videos que vi)

  10. #34
    Usuário Avatar de paraujo98
    Entrada
    22/12/2008
    Local
    um carioca em Natal/RN
    Idade
    39
    Posts
    329
    Agradecimentos: 0
    Reativando o tópico. Sem dúvida concordo com os comentários do J ser mais moderno e confortável.

    Estou atualmente montando um frankstein, pois para mim o visual do Willys é insuperável.... Chassis e suspensão de J, Carroceria alongada de CJ5, eixos de F-75, com flutuante e semi-eixo forjados, mwm sprint com caixa da s-10 e reduzida auverland do J...

    A obra avançando, posto algumas fotos.

  11. #35
    Usuário
    Entrada
    03/07/2019
    Local
    Niterói/RJ
    Posts
    1
    Agradecimentos: 0
    Depois de tudo que li até agora, tô louca para comprar meu Jota! O que vocês consideram mais relevante na hora de avaliar um carro? Tem alguns anunciados na webmotors, na faixa de 20 paus, mas ainda estou na dúvida... Como será único carro, o Jota atende melhor. Trilha cheguei a fazer passeios com o ex e foi isso que me despertou o amor.

    Apenas mais uma padawan tentando aprender sobre J


Classificados ANUNCIE GRÁTIS

AQUI VOCÊ ENCONTRA TUDO

Informações de Tópico

Usuários Navegando neste Tópico

Há 1 usuários navegando neste tópico. (0 registrados e 1 visitantes)

Permissões de Postagem

  • Você não pode iniciar novos tópicos
  • Você não pode enviar respostas
  • Você não pode enviar anexos
  • Você não pode editar suas mensagens
  • BB Code está Ligado
  • Smilies estão Ligados
  • Código [IMG] está Ligado
  • Código HTML está Desligado