x
Convex Datacenter
Página 3 de 8 PrimeiroPrimeiro 12345678 ÚltimoÚltimo
Resultados 25 a 36 de 89
  1. #25
    Usuário
    Entrada
    17/09/2007
    Idade
    60
    Posts
    6
    Agradecimentos: 0



    Respondendo sobre o consumo, esta fazendo em torno de 5 a 6 km/l com carburador 40 deis com calibragem para opala 4.1; o desempenho é bom pois esta com relação diferencial 4,27. quanto as opiniões de potencia do motor, esta discussão é longa pois potencia e torque é dada em relação a uma rotação, os valores variam em função da rotação,por exemplo o honda civic tem 115hp em 6300rpm, quem usa esta rotação na cidade? ninguem, se utilizar 3000rpm utilizara em torno de 50hp que é o mais usual, o motor fiat fire apresenta torque maximo apartir de 2000 rpm ideal para cidade. este motor ford 3.6 a gasolina, pode chegar a 165hp com carburação dupla a uma dada rotação maxima. vou procurar informações para tentar levantar curva de potencia e torque. sds.

    Ford F-1000
    1979 - Inicio produção com motor 3.9 diesel MWM (86.4 cv)
    1985 - Versão SSS - Super Série Special
    1985 - F-1000A com motor 3.6 álcool de 6 cilindros (115 cv) - Maio
    1986 - Reestilização frontal com quatro faróis retangulares
    1988 - Eixo traseiro redimensionado e lanternas traseiras iguais à da Pampa
    1989 - Motor 3.6 passa a ter a versão a gasolina e opção de câmbio de cinco marchas para o motor a diesel
    1990 - Primeira picape diesel com turbocompressor (119 cv)
    1991 - Tanque de combustível em plástico polietileno, com capacidade para 114 litros - Julho
    1992 - Reestilização e motor turbodiesel um pouco mais potente, com 122,4 cv
    1994 - Tração 4x4 e a cabine estendida (Supercab), com 56 centímetros adicionais e um banco traseiro para três pessoas
    1995 - Motor 4.9i de seis-cilindros em linha com injeção eletrônica (148 cv)
    1996 - Retoque na aparência, linhas mais arredondadas e suaves, grade mais ampla, faróis com as luzes de direção embaixo
    1998 - Série especial Lightning com o motor de 4.9 litros a gasolina
    1998 - Fim de produção

  2. #26
    Zepi,
    Obrigado pela resposta!
    Abraço
    FILIPE BARROS
    Turma do Esmeril 4x4


  3. #27

    Falcon

    Amigos,
    Fiquei interessado em trocar a carburação do Falcon 3.6. O meu carburador é simples. Pelo que já pesquisei fica em 108 CV.
    Com esse motor o Jeep ficou um cavalo mas acho que ainda dá para melhorar, muito embora tenha que colocar um tanque de 500 litros!!!
    Qual carburação vcs indicam para deixar o Falcon perto dos 160 CV?
    Acredito que a minha caixa vai aguentar pois é uma clark 4.
    Tenho enfrentado dificuldades em fazê-lo pegar. Sempre precisa tomar uma cachaça.
    Aguardo retorno. Grande abraço. Marcos

  4. #28
    Usuário Avatar de Zepi
    Entrada
    24/05/2005
    Local
    São Paulo/SP
    Idade
    40
    Posts
    4,510
    Agradecimento: 1
    Cachaça?
    Se for a gasolina teu bura tá zuado!

    No meu vou colocar um bura webber 446 duplo do opala...
    Mas vou taxar um pouco o meu ...deixar numa taxa 9:1 ou mais,pois uso gnv então não tem nenhum perigo de pré-ignição ou detonação....


    Abs

  5. #29
    Usuário Avatar de Zepi
    Entrada
    24/05/2005
    Local
    São Paulo/SP
    Idade
    40
    Posts
    4,510
    Agradecimento: 1
    Marcos...vc é Poa...qualquer hora podiamos trocar experiências sobre o falcon...tenho algumas peças dereserva....trabalho aqui na cidade baixa...


    Abs

  6. #30

    falcon

    Opa,
    Estou pensando em fazer a mesma adaptação, mas antes quero ver como o jeep se comporta num barrinho.
    Falando nisso ultimamente nao tenho feito nada. Quando tiver uma trilha me avisa. Sou parceiro até para a Varzinha!!!
    Passo pela cidade baixa todos os dias.
    Grande abraço. Marcos

  7. #31
    Usuário Avatar de elcio
    Entrada
    23/03/2004
    Local
    Cianorte/PR
    Posts
    1,468
    Agradecimentos: 0
    Citação Postado originalmente por Loiro Ver Post
    Sem querer ofender mas afinal!
    O 4.9 é americano ou nao?
    Abraço
    existem versoes do "falcon" nos EUA desde a decada de 60.
    sao motores que por la rodaram meio milhao milhas sem dar problemas.
    esses motores, que equiparam a F-1000 (3.6 e 4.9) sao de fabricação ARGHentina.
    a manutenção é cara, mas raramente da dau.
    eu estou com o 4.9 ha 4 anos no jeep e ate agora ta rodando sem problemas.
    quando eu adaptei esse motor me chamaram de louco e tal, mas agora nao tem pra quem quer.

  8. #32
    Equipe de Apoio Avatar de tuna
    Entrada
    29/04/2003
    Local
    Campinas/SP
    Idade
    48
    Posts
    3,504
    Agradecimentos: 22

    louco

    Pois é, quando optei pelo falcon 3.6, me chamaram de louco, insano, doido varrido, falaram que num ia achar peças, que o motor era uma merda, e etc...
    acabei a reforma num faz sete meses (e a carniça num tá pronta direito ainda, aliás, nunca fica né mesmo? ) pois bem, nesses sete meses já rodei mais de dois mil km com o jeep, e até agora o único problema que tive foi uma junta de cabeçote queimada, por culpa da fiação da ventoinha que soltou e ela num ligou, e eu num vi a temperatura subir .(a junta custou 80 pilas, retífica e mão de obra igual a de qq motor)
    De resto só alegria, e quem anda com o jeep fala que tá animal e tals...
    teve um pessoal do hot rod aqui em campinas que deu uma volta e apelidaram a jeba de "cadeira elétrica" hahaha.
    abração empinando de segunda hehe
    Tuna
    Cj-5 1966 - "Tsunami"

  9. #33
    acabei a reforma num faz sete meses (e a carniça num tá pronta direito ainda, aliás, nunca fica né mesmo? ) pois bem, nesses sete meses já rodei mais de dois mil km com o jeep, e até agora o único problema que tive foi uma junta de cabeçote queimada, por culpa da fiação da ventoinha que soltou e ela num ligou, e eu num vi a temperatura subir .(a junta custou 80 pilas, retífica e mão de obra igual a de qq motor)


    Tenho uma helice especial original deste motor p/ vender, se interessar, te faço baratinho. Ë aquela helice que em baixa rotação liga e em alta desliga.

  10. #34
    Equipe de Apoio Avatar de tuna
    Entrada
    29/04/2003
    Local
    Campinas/SP
    Idade
    48
    Posts
    3,504
    Agradecimentos: 22
    Edwint,
    vc. diz a ventoinha termomecânica?? eu gostaria de usá-la (até tinha duas), mas infelizmente num cabe no cofre do CJ-5 sem cortar a parede de fogo.
    Quando fiz a adapatção do motor fiz questão de não cortar a parede de fogo, então tive que optar por uma ventoinha elétrica do opala mesmo, e tá funcionando direito
    Mas de qq forma obrigado pela oferta.
    abraços.
    Tuna
    Cj-5 1966 - "Tsunami"

  11. #35
    Citação Postado originalmente por tuna Ver Post
    Edwint,
    vc. diz a ventoinha termomecânica?? eu gostaria de usá-la (até tinha duas), mas infelizmente num cabe no cofre do CJ-5 sem cortar a parede de fogo.
    Quando fiz a adapatção do motor fiz questão de não cortar a parede de fogo, então tive que optar por uma ventoinha elétrica do opala mesmo, e tá funcionando direito
    Mas de qq forma obrigado pela oferta.
    abraços.
    isso mesmo, a minha é termomecanica.

  12. #36
    Usuário Avatar de fivovo
    Entrada
    12/06/2007
    Posts
    36
    Agradecimentos: 0

    adaptacao

    e ai hermanos hehehe entao , estou com um cj5 1977
    estou adaptando um falcon nele
    com clark 4 marchas
    minhas duvidas:- tipo de ventuinha (eletrica , ou aquelas q acionam sosinha , como os carros a diesel)
    -se coloco o motor para frente enfraquecendo a grade , ou se rebato o corta fogo?
    -relacao de diferencial mais adequada para ele , estou rodando com mudzila 33 e a relacao e original 9 44



    valeu abraco a todos

Classificados ANUNCIE GRÁTIS

AQUI VOCÊ ENCONTRA TUDO

Informações de Tópico

Usuários Navegando neste Tópico

Há 1 usuários navegando neste tópico. (0 registrados e 1 visitantes)

Permissões de Postagem

  • Você não pode iniciar novos tópicos
  • Você não pode enviar respostas
  • Você não pode enviar anexos
  • Você não pode editar suas mensagens
  • BB Code está Ligado
  • Smilies estão Ligados
  • Código [IMG] está Ligado
  • Código HTML está Desligado