x
Convex Datacenter
Resultados 1 a 12 de 12
  1. #1

    Veículos importados vão pagar 30% a mais de IPI - VERGONHA




    Neste momento o ministro de Fazenda Guido Mantega acabou de anunciar a elevação de todas as alíquotas de IPI vigentes no mercado nacional.

    As alíquotas serão somadas a mais 30%, sendo que apenas montadoras com conteúdo nacional terão desconto de 30% no acréscimo divulgado.

    As montadoras que preencherem um total de 65% de conteúdo nacional e que tenham o processo produtivo completo ou parcial na região (Brasil e Argentina) estarão livres do acréscimo de 30%.

    Além disso, empresas que atenderem a pelo menos 6 de 11 requisitos, como por exemplo, montagem, estamparia, produção de embreagem, motor, entre outros, também ficam livres do acréscimo de IPI.

    Assim, carros 1.0 vão de 7% para 37% de IPI, e assim sucessivamente em todas as categorias de veículos. A medida inclui carros, caminhões, ônibus, motos, entre outros.

    A medida vale a partir de amanhã e dura até dezembro de 2012. Todas as empresas estão habilitadas diante do acréscimo de 30% no IPI, sendo que todas terão um prazo de até 60 dias para comprovarem estarem dentro das exigências estabelecidas pela nova medida.

    Quem não provar que está dentro do programa, vai pagar o IPI retroativo caso venda veículos sem o acréscimo de IPI. A medida deve impactar quase imediatamente nos preços dos veículos importados.

    O governo está dizendo nesse momento que haverá fiscalização para conter abusos de preços. Luiz Gandini, presidente da Abeiva está presente na coletiva, mas foi impedido de falar.

    A idéia do governo é promover o aumento de conteúdo nacional, inovação tecnológica e produção de veículos com maior valor agregado, além de objetivar garantir investimentos e empregos no setor industrial.

    Fonte: NA

    VERGONHA! Sem palavras pra descrever minha tristeza perante essa pilantragem. Lobby na cara dura.

    As fabricantes de importados tem 60 (SESSENTA) dias para se adaptar. É mole? haha. piada.
    Jeep Cherokee Sport 97 "Monstra";
    sem ABS, sem seguro, sem pudor.

  2. #2
    Usuário Avatar de duble_de_inspetor
    Entrada
    08/05/2011
    Idade
    39
    Posts
    4
    Agradecimentos: 0
    Infelizmente é uma piada de mau gosto!!!
    Eu sou novo no forum (Leio vários posts a algum tempo, mas sem postagens). Porém, me enveredei pela aventura de um sonho 4x4 para atender algumas comodidades.
    Sonho esse que acaba de ter uma cachoeira de água gelada lançada em cima.
    Quem tem um importado 4x4 hoje, e tinha a intenção de troca num futuro próximo, está repensando esse plano. E o mercado de usados importados fica meio sem chão, visto que temos uma incerteza também quanto ao custo de manutenção dos veículos (As montadoras permanecerao? Vão tentar diluir a pancada no custo das peças? A desvalorização do importado pode minar o interesse pelo investimento em baratemanto do custo de manutenção desses?)
    Meus planos estão suspensos, por enquanto!!!
    Vou esperar a poeira baixar antes de caminhar em quaquer direção!!!
    Meu carrinho vai ganhar uma sobre vida. O sonho 4x4, fica para depois!!!

    Como já dito em outros locais e aqui mesmo no forum, "Brasil, um pais de tolos"

  3. #3
    Usuário Avatar de Supercharger
    Entrada
    20/05/2004
    Local
    Belo Horizonte/MG
    Idade
    47
    Posts
    1,982
    Agradecimentos: 15
    Se é para fomentar o produto nacional, porque ao invés de aumentar os impostos dos importados não reduziram os impostos dos nacionais?
    Toyota SW4 94 (Raposa Vermelha), Toyota SW4 97 (Pantera Negra), Suzuki Samurai 97 (Tatuí), Suzuki Samurai 92 (Tatu)

  4. #4
    Citação Postado originalmente por Supercharger Ver Post
    Se é para fomentar o produto nacional, porque ao invés de aumentar os impostos dos importados não reduziram os impostos dos nacionais?
    Porque essa fomentação é uma desculpinha sem vergonha. Eles estão é aniquilando as fabricantes como a Hyundai e as mais recentes JAC e Chery da vida que estavam começando a ameaçar a fatia das grandes estabelecidas no Brasil.
    Jeep Cherokee Sport 97 "Monstra";
    sem ABS, sem seguro, sem pudor.

  5. #5
    Usuário Avatar de duble_de_inspetor
    Entrada
    08/05/2011
    Idade
    39
    Posts
    4
    Agradecimentos: 0
    Todos estão lembrando as novas chinesas e das 2 grandes coreanas. Porém, temos: Marhindra/SSangyong; Land Rover; Subaru; Suzuki; Etc, que estavam se reerguendo, ou começando a aparecer como boas opções de mercado. Mas agora, com essa apunhalada, não sei!!
    Em se tratando de grandes investimentos a curto e longo prazo, esse medida descabida e imposta sem avisos, significa um grande susto, tanto para investidores externos quanto para consumidores.
    Eu explico.
    Para os investidores externos significa um aporte financeiro muito maior, em espaço de tempo muito menor, com os lucros projetados bem abaixo do esperado. (Pode se tornar inviável para as pequenas).
    Para os consumidores, a grande movimentação de importados novos, reacendeu o interesse por esse grupo de fabricantes, valorizando os usados e abrindo os olhos para as opções atuais.
    Com essas medidas, um grande temor dos que investiram em veículos dessas montadoras, pode se tornar realidade. A descontinuação da atuação no mercado. (Suzuki, Daerwoo, entre outras).
    O grande ponto que está sendo comentado na maioria dos sites especializados. ("Se era pra defender a indústria nacional, porque o mercosul não será afetado?"
    Entendo que se é pra fazer mer*a, é melhor fazer completa!!! Ahhhh! esqueci, as 4 grandes possuem grande parte dos seus modelos montados na Argentina e no México. Então nesses casos, não pode fechar as portas. Quanto descaramento!!
    Antes as ações eram executadas por debaixo do pano, para não chamar muita atenção.
    Agora, são as claras. Se preocupar com imagem??? Pra que??? Nesse pais, tudo termina em pizza!!!

    Ahhh meu brasil!!!

    Que venha copa, que venha olimpíada!!!

    Enquanto o brasileiro tiver Mulher pelada, cerveja e futebol, o resto pode ficar pra depois!!!

    Eu amo esse pais que tem essa política de igualdade social( na prática) e atua tanto na educação, saúde e emprego.

    Obs.: O brasil, está com "b" minúsculo, de propósito, pois ele só se torna maiúsculo, quando se trata do Brasil Penta Campeão, do Ronaldo, etc.
    Eita povo patriota!!!

  6. #6
    Na minha humilde opinião, acho que o brasil está no caminho de trazer as montadoras em vez de trazer apenas os carros. Chery está vindo, nissan veio e mais outras estão chegando.

    Dessa forma a indústria se fortalece, em vez do contrário.

    Se carro "nacional" paga 30% menos, é mais jogo fabricar aqui... Boa estratégia.

    Abs

  7. #7
    Algumas considerações sobre a nova lei.

    O intuito é reverter a grande importação de carros importados, só que a medida atinge basicamente os carros coreanos e chinezes. O engraçado nessa história é que a maior parte dos carros importados, não vem da Coréia ou da China, mas da Argentina e do México. A participação destes dois produtores de automóveis hoje representa 60% do volume importado pelo país, mas a lei, pouco afeta a importação desses dois países!

    Uma outra situação bem estranha. As montadoras nacionais negociam uma redução do IPI sobre os automóveis, mas não querem repassar esse desconto aos consumidores! Querem, segundo elas, usar a quantia para promover investimentos em novas tecnologias, como se isso não fosse obrigação delas, num mercado capitalista competitivo!

    Daqui a pouco seremos obrigados a conviver novamente com Fuscas, Chevetes e o Fiat 147.

  8. #8
    Citação Postado originalmente por samukanvas Ver Post
    Na minha humilde opinião, acho que o brasil está no caminho de trazer as montadoras em vez de trazer apenas os carros. Chery está vindo, nissan veio e mais outras estão chegando.

    Dessa forma a indústria se fortalece, em vez do contrário.

    Se carro "nacional" paga 30% menos, é mais jogo fabricar aqui... Boa estratégia.

    Abs
    Samuka, essa é a idéia boazinha que eles estão querendo passar, mas como o Marcos Paiva relata no post anterior fica claro que é um golpe descarado de LOBBY.

    E outra, 2 meses para uma fabricante se nacionalizar? Imagino o impacto que esse aumento no IPI vai ter para o cofre dessas empresas. Enquanto as grandes brasileiras estão aqui felizes da vida. É quase um dumping patrocinado pelo governo.
    Engraçado né, para obrigar a instalação de airbags e abs a medida leva 5 anos, para colocar um pátio fabril completo em solo nacional são 2 meses. Tá vendo a sacanagem?

    Nunca na minha vida tive um exemplo tão claro da tal influencia que a variável governamental do ambiente externo faz em uma empresa, conceito que vi muito nas cadeiras de Administração.

    Por sorte parece que a Suzuki já está a um bom tempo investindo em nacionalizar a fabricação de todos os modelos e logo logo já está tudo saindo da fabrica aqui no Brasil então no mundo 4x4 essa montadora não deve ser afetada.
    Jeep Cherokee Sport 97 "Monstra";
    sem ABS, sem seguro, sem pudor.

  9. #9
    Usuário Avatar de Jeanilson
    Entrada
    30/11/2004
    Local
    Brasília/DF
    Idade
    46
    Posts
    1,276
    Agradecimentos: 0
    Não sei se essa medida seria benéfica para aumentar a nossa industria e/ou melhorar tecnologicamente os carros produzidos aqui. Na verdade duvido muito .

    A GM, por exemplo, prefere reciclar plataformas antigas ao invés de investir em novas, como por exemplo o "novo" Agile, que usa a mesma plataforma do 1° Corsa, de 15 anos atrás.

    Mas a questão principal é essa medida é ilegal, pois o tratado internacional de livre comércio, onde o Brasil é signatário, proibe a diferenciação de produtos fabricados no país dos vindo de fora através de impostos internos . O único imposto permitido para esse caso seria o imposto de importação.

    Ou seja, basta uma multinacional que se sentiu prejudicada com essa medida reclamar aos órgãos internacionais que o Brasil passará a sofrer sanções em suas exportações .

    []'s com o governo...

  10. #10
    Citação Postado originalmente por Jeanilson Ver Post
    Não sei se essa medida seria benéfica para aumentar a nossa industria e/ou melhorar tecnologicamente os carros produzidos aqui. Na verdade duvido muito .

    A GM, por exemplo, prefere reciclar plataformas antigas ao invés de investir em novas, como por exemplo o "novo" Agile, que usa a mesma plataforma do 1° Corsa, de 15 anos atrás.

    Mas a questão principal é essa medida é ilegal, pois o tratado internacional de livre comércio, onde o Brasil é signatário, proibe a diferenciação de produtos fabricados no país dos vindo de fora através de impostos internos . O único imposto permitido para esse caso seria o imposto de importação.

    Ou seja, basta uma multinacional que se sentiu prejudicada com essa medida reclamar aos órgãos internacionais que o Brasil passará a sofrer sanções em suas exportações .

    []'s com o governo...
    Lembrando que o teto máximo de Imposto de Importação estipulado pela OMC é de 30% e bom.. não preciso dizer-lhes qual é a alíquota do imposto de importação no Brasil né?
    Jeep Cherokee Sport 97 "Monstra";
    sem ABS, sem seguro, sem pudor.

  11. #11
    Usuário Avatar de Trotta.79
    Entrada
    02/05/2010
    Local
    Belo Horizonte/MG
    Idade
    53
    Posts
    1,548
    Agradecimentos: 3
    Citação Postado originalmente por samukanvas Ver Post
    Na minha humilde opinião, acho que o brasil está no caminho de trazer as montadoras em vez de trazer apenas os carros. Chery está vindo, nissan veio e mais outras estão chegando.

    Dessa forma a indústria se fortalece, em vez do contrário.

    Se carro "nacional" paga 30% menos, é mais jogo fabricar aqui... Boa estratégia.
    Concordo 100% com vc, mas acho que deveria haver mais critérios na taxação de produtos importados. Se não há similar no país pq taxar?

  12. #12
    Nunca antes nesse país...............

    O lobby mais descarado que presenciei.

    Em todo caso, acredito que muitas montadoras afetadas irão se nacionalizar (claro que não em 2 meses), pois o Brasil é um mercado promissor. E elas já evidenciaram isso. Então, nossas "gigantes", mesmo que tardando, vão sentir a batalha.

    Esse país é verdadeiramente uma piada. O que o governo sempre quer é pilhar o seus, isto é, nós. O que não nos falta é exemplo disso.

    E o que fico mais puto é que ano que vem tem eleições, então veremos as dicussões em fóruns, blogs e etc, de petistas com psdebistas, como se fossem diferentes. Um pregando o demônio que outro é, e outro pregando a salvação.

    Isso é o que mais me chateia.

Classificados ANUNCIE GRÁTIS

AQUI VOCÊ ENCONTRA TUDO

Informações de Tópico

Usuários Navegando neste Tópico

Há 1 usuários navegando neste tópico. (0 registrados e 1 visitantes)

Tópicos Similares

  1. RJPARTS Peças para veículos Importados
    Por explorerrj no fórum Vendem-se Peças e Acessórios
    Respostas: 2
    Última resposta: 02/04/2008, 00:17

Permissões de Postagem

  • Você não pode iniciar novos tópicos
  • Você não pode enviar respostas
  • Você não pode enviar anexos
  • Você não pode editar suas mensagens
  • BB Code está Ligado
  • Smilies estão Ligados
  • Código [IMG] está Ligado
  • Código HTML está Desligado

Change privacy settings Alterar definições de privacidade