PDA

Ver Versão Completa : Motores Diesel



bunny
18/03/2004, 15:44
Galera, essa vai pros mecanicos de plantão...

sei q um motor diesel não tem a "parte eletrica", ou seja, distribuidor, velas etc...

então, sempre fico me perguntando: como diabos ocorre a queima da mistura ar/diesel nesses motores??

[]s

Luiz Claudio
18/03/2004, 15:54
Fala Bunny,

Nos motores a diesel a explosão da mistura ar+combustível ocorre apenas por compressão.

[]'s...

bunny
18/03/2004, 16:17
vamos ver se eu entendi:

o pistão comprime a mistura, q explode, empurrando ele pra baixo de novo, aí qdo ele sobe explode de novo blá blá blá...

mas e pra "ligar" esse sistema??? como q o motor dá a "primeira comprenssada"????

[]s tentando entender =)

Luiz Claudio
18/03/2004, 18:39
mas e pra "ligar" esse sistema??? como q o motor dá a "primeira comprenssada"????

Fala Bunny,

Eu não manjo quase nada de mecânica, muito menos de motores a diesel (o Engesa é o primeiro diesel que eu tenho), mas vamos lá...
Acredito que o movimento do motor tem seu início com o acionamento do motor de arranque. Quando acionado ele força o motor a fazer essa compressão e a causar o início das explosões.
De qualquer forma, como não sei se falei besteira ou não, vamos esperar os mais experientes darem suas explicações.

[]'s...

marcelo nunes
18/03/2004, 20:00
Aproveite para encher uma bola de futebol vazia enquanto eu explico.

1-Pegue a bomba de encher bolas.
2-Dê uma lubrificada na agulha do bico da bomba antes de introduzi-lo com cuidado e decisão no orifício da válvula da bola (esse mesmo princípio serve para diversas situações similares).
3- comece a bombear (idem acima)

Você vai reparar que a bomba esquenta...Um aumento de pressão corresponde a um equivalente aumento de temperaura.
Esse mesmo princípio serve para qualquer fluido compressível (como o ar...), mais pressão é igual a maior temperatura. Matematicamente se calcula tais valores pela fórmula P x V = n x R x T, mas não vou ficar dando aulas de química aqui, o que importa é perceber que quanto mais pressão, mais temperatura se for num sistema fechado, como no conjunto cilindro da bomba+bola (ou dentro do motor).

Num motor Diesel, a relação (ou taxa) de compressão é sempre bem elevada. Num motor de rotação baixa e média cilindrada é no mínimo de 16:1. Num motor Diesel leve chega a 25:1. Para comparar, um motor a gasolina atual tem taxa de 9:1 em média.

Isso significa que o ar dentro do motor vai ser comprimido pelo pistão até ficar num volume aproximadamente 25 vezes menor (é quase exatamente isso) . Imagine o aumento de temperatura.

No momento em que o ar está bem "apertado", o Diesel é injetado e ocorre a combustão devido à temperatura que o combustível encontra lá dentro da câmara. Daí o nome Combustão por Compressão.

Num motor de ignição por centelha, a gasolina, álcool, etc., se a taxa for muito alta para o combustível utilizado, também ocorre combustão por compressão, só que nesse caso ela será danosa para o motor pois ocorrerá no momento errado, antes da centelha, acumulando calor na câmara de combustão e derretendo pistões, anéis, cabeçote...é o que acontece se você usar gasolina num motor a álcool, por exemplo.

A primeira compressão que vocês perguntaram ocorre justamente movida pelo motor de arranque, seguida pela primeira injeção de Diesel.

Já ficou muito longa a explicação, qualquer coisa pergunte se tiver dúvidas em cima disso que eu escrevi.

bunny
18/03/2004, 23:31
marcelo

maravilha de explicação... sensacional =))

principalmente a parte da bola :lol: :lol: :lol:

eu consegui entender sim, principalmente pq vc explicou de uma forma não-tecnica =)

tirando q enqto eu pensava nisso, tinha esquecido do motor de arranque hehehe

obrigado novamente =)

[]s esclarecidos

Cícero Franco
19/03/2004, 11:14
PV=nRT! AAAAAAAARRRRRRRRRRRGGGGGGGHHHHHHHHHH!!!!!!!!!!!!!

Danniel Pizatto
19/03/2004, 19:26
Puta velha nao Rejeita Tarado.. :lol:

Aproveitando.. Como os motores diesel não tem borboleta de aceleração, qdo se pisa fundo pra subir o giro a mistura não fica muito rica??

ou pelo fato da bomba ser acionada pelo motor e variar a vazão conforme a rotação esse fenomeno não acontece?

gvogetta
19/03/2004, 23:50
Caros,

Aproveitando o ensejo:


...
Num motor de ignição por centelha, a gasolina, álcool, etc., se a taxa for muito alta para o combustível utilizado, também ocorre combustão por compressão, só que nesse caso ela será danosa para o motor pois ocorrerá no momento errado, antes da centelha, acumulando calor na câmara de combustão e derretendo pistões, anéis, cabeçote...é o que acontece se você usar gasolina num motor a álcool, por exemplo.


Essa combustão espontânea pelo excesso de pressão gerada, quando ocorre é o que chamamos nos motores a gasolina de "motor batendo"...




...

Aproveitando.. Como os motores diesel não tem borboleta de aceleração, qdo se pisa fundo pra subir o giro a mistura não fica muito rica??

ou pelo fato da bomba ser acionada pelo motor e variar a vazão conforme a rotação esse fenomeno não acontece?

Complementando: como o colega falou, a bomba injetora não funciona somente com o giro do motor, mas TAMBÉM com o giro do motor. Na verdade a bomba funciona com uma combinação da posição do acelerador do veículo e da rotação do motor. Quando "pisamos" no acelerador, a bomba injeta combustível em maior quantidade e em pressão mais elevada nos cilindros, o que faz com que o motor gire mais rapidamente completando o "ciclo" de alimentação que mantém a bomba "sincronizada" com o giro do motor, alimentando a seqüência correta de pistões na dosagem ideal ao "ritmo" de giros exigidos pelo motorista (acelerador).

Saudações,

marcelo nunes
20/03/2004, 00:28
Duas pequenas correções necessárias:

1- Ignição por compressão nem sempre faz ruído, e quando faz é a chamada "batida de pino", que ocorre quando a primeira ignição (por compressão) "tromba" com a segunda ignição (por centelha), gerando uma onda de choque que ecoa ao bater nas partes metálicas (parede do cilindro, pistão, cabeçote).

2- A pressão de uma bomba injetora não varia com a rotação do motor, somente a vazão, seja ela mecânica ou elétrica.

Realmente há um enriquecimento inicial da mistura, que gera um aumento da Entropia (que é uma propriedade também conhecida como "calor da combustão" ), gerando uma ignição mais poderosa, que vai fazer o pistão descer mais rápido, aumentando a rotação do motor, que vai aumentar a rotação da bomba, que vai injetar mais, ...etc... até o corte na rotação programada mecânica ou eletronicamente.

bunny
22/03/2004, 14:56
fantásticas as explicações hehehe

não imaginei q uma pergunta minha traria tanta informação =)

aí me surgiu outra dúvida: pq o pessoal q pilota onibus e caminhão, tem mania de deixar o motor rodando durante mto tempo, parado, ao invés de desligar e ligar denovo depois???

[]s

Wallace
22/03/2004, 18:15
Todo equipamento sofre mais com o liga e desliga que se ficar ligado direto.

marcelo nunes
22/03/2004, 22:04
Por puro vício de motorista mal treinado.

Motores de combustão interna não sofrem qualquer sobrecarga ao serem ligados. O sistema bateria+motor de arranque é superdimensionado e dar partida é exatamente sua única finalidade.

No entanto, esses operadores que teimam em manter motores ligados em marcha lenta desnecessariamente, agem como se agia a 40 anos atrás, quando os motores de arranque e baterias eram pouco confiáveis.
Daí, para não correrem o risco de ter que empurrar um caminhão carregado, deixavam o motor ligado continuamente.

Deixar o motor ligado continuamente em marcha lenta é um dos principais fatores de aumento de custos de manutenção de frotas como a da Coca-Cola, Cometa, entre outras que acompanhei a alguns anos atrás, pelos seguintes motivos:

1-espelhamento de camisas, causado pelo funcionamento por HORAS seguidas, sem carga. Os anéis espelham o brunimento dos cilindros, causando aumento do consumo de óleo lubrificante e perda de compressão do motor.

2-carbonização da câmara, pelo travamento de anéis, causando passagem do lubrificante para a câmara

3-necessidade de retífica prematura do motor, para refazer o brunimento e para retificar virabrequim e bielas, danificados pela diluição do óleo lubrificante pelo Diesel não queimado, que não é contido pelos anéis travados.

Isso só ocorre em casos em que o motor é deixado ligado inutilmente em marcha lenta duante longos períodos.

Só se justifica deixar um diesel ligado continuamente quando é um motor marítimo de grande porte, transoceânico, pois estes demoram algumas horas para reiniciar o funcionamento depois de parados.

Wallace
22/03/2004, 23:29
Discordo.
O problema não é o motor de arranque, mas o estresse por dilatação e contração térmica.
Isso vale até para as placas de seu computador que acho que não tem motor de arranque...;-)

bunny
22/03/2004, 23:40
o meu pc eu deixo ligado continuamente, pq é servidor hehehehe

e o engraçado q qdo tenho q reinicia-lo, ele meio q fica "xoxo" no começo hehehe

quanto a motores marítimos de grande porte, trabalhei durante 1 mes no navio Costa Tropicale, e desses 30 dias, 20 nós ficamos parados em Genova - Italia, e o motor não foi desligado nem 1 minuto heheee

não sei se o navio tinha 2 ou mais motores, mas pelomenos 1 sempre estava ligado... eu cuidava da cabine do "First Engeneer", q era o "Capo de Machinas", e na cabine dele tinha um ocnta giros. Enqto o navio navegava, o normal era estar em 3 (não sei se 300, 3000 ou 30000...) RPM... enqto estávamos parados, oscilava entre 0,3 e 0,5.

Eu questionei ao "Capo" o pq do motor ligado, ele deu risada de mim, claro, e respondeu q era pra alimentar de energia elétrica e a calefação do navio.

aliás, eu imagino o trabalho pra se ligar um motor daquele porte hehehehe

aí vai uma foto minha por aquelas bandas, pra diveritir um pouco =)

Danniel Pizatto
23/03/2004, 04:17
Aqui tem alguns motores diesel usados em grandes navios..

http://www.bath.ac.uk/~ccsshb/12cyl

marcelo nunes
23/03/2004, 09:07
Pode ser que fossem 3 rpm mesmo, especialmente se era mais de um motor. O curso de pistão num dos motores de um dos petroleiros da BR (não lembro qual) era de 6 metros!!
Imagine a força necessária para dar a partida. Esses motores são ligados na saída do navio do estaleiro e só param em casos de reforma.
Mas fala a verdade, você contou isso só pra colocar a foto da Ferrari, não é?

marcelo nunes
23/03/2004, 09:16
Discordo.
O problema não é o motor de arranque, mas o estresse por dilatação e contração térmica.
Isso vale até para as placas de seu computador que acho que não tem motor de arranque...;-)

Não existe stress térmico na partida de motor a combustão interna pois o aquecimento ocorre em tempo demasiadamente longo, mais que o suficiente para acomodação das estruturas moleculares das ligas metálicas. No resfriamento, que leva horas, o risco é zero.

Se stress térmico fosse problema, a cabeça do pistão racharia durante o funcionamento, não na partida, pois a variação de temperatura entre a admissão de mistura ar-combustível de um motor a álcool e a combustão é de 600ºC, em média, numa fração de segundo.

O meu computador não tem motor de arranque, mas o monitor ultimamente tem pego só no tranco...

Delfim
23/03/2004, 10:08
é tão prejudicial manter um motor diesel funcionando sem necessidade, que os motores diesel modernos (com injeção eletrônica) dos ônibus urbanos, se desligam automáticamente se ficarem 10 minutos em marcha lenta.

bunny
23/03/2004, 10:27
Mas fala a verdade, você contou isso só pra colocar a foto da Ferrari, não é?

com certeza =)))

eu tirei foto de um kadett arredondadinho tb... mas se eu colocasse essa foto, ninguém ia entender nada hehehehe

[]s automobilísticos, mesmo sem saber nada de motor...

marcelo nunes
23/03/2004, 13:15
Ficou muito boa a foto, mas pela pose ficou faltando um rodinho numa mão e uma garrafa pet cheia de agua suja na outra.

bunny
23/03/2004, 13:22
Aqui tem alguns motores diesel usados em grandes navios..

http://www.bath.ac.uk/~ccsshb/12cyl

visitei lá.. .sensacional o tamanho dos motores =))

a força dum bixo desse é cavalar... mãe dó céu...

e isso me lembrou uma conversa q tive com alguns amigos... a transmissão da força gerada pelo motor para as helices, é transmissão direta, ou tem alguma "caixa de marchas"???

bunny
23/03/2004, 13:27
Ficou muito boa a foto, mas pela pose ficou faltando um rodinho numa mão e uma garrafa pet cheia de agua suja na outra.

pois é... mas ainda bem q lá eu não precisei seguir a profissão de aqui hehehehehe

tem outra.. o kadett, essa eu tirei só pro pessoal do kadettclube, q por enqto está sem página, de um Daewoo Nexia, um Kadett fabricado na Koreia, e comercializado na europa até hj. Outro dia vi um Daewoo Cielo, q é a versão sedã do Nexia, aqui na Praia Grande =)

essa foto foi no estacionamento do porto mesmo, onde a peãozada parava os carros =)

marcelo nunes
23/03/2004, 17:38
Tem uma "caixa", na verdade uma transmissão com um p$%& retarder.
Não esqueça que navio, em geral, tem marcha a ré.
Mas esse assunto já não desvirtuou um pouco ?

nepomuk
24/03/2004, 11:14
Galera, esse tópico estava muito interessante, então quero aproveitar (para não deixar desandar totalmente) e hacer una perguntita.

Qual a rotação ideal de regime para um motor diesel 4 cilindros 3.8 (14b toyota)?
Eu sei que nos à gasolina é econômico encurtar as mudanças de marçhas, mas no meu Diesel fico meio receioso que essa " antecipada" na troca possa forçar muito o sistema (principalmente porque motor diesel perde potência que é uma beleza).

Valeu!

Wallace
24/03/2004, 13:09
Para todo motor o ideal é andar no torque máximo.
E esticar a marcha inferior para quando trocar cair no torque máximo da marcha trocada.

nepomuk
24/03/2004, 13:20
Wallace,

Você quis dizer torque ou potência máxima? Pois o ponto de máximo torque é 1400rpm, já o de máxima potência é acima de 2500rpm.

O que estou perguntando é se há danos para o motor diesel em se trocar as marchas antes do motor chegar ao ponto de potência ótima. Pois, desde que não force a ponto de começar a " bater pino" o motor a gasolina fica mais econômico e durável com esse tipo de comportamento.

Abraço,

Wallace
24/03/2004, 13:29
Eu escrevi torque né...
Então é torque.

nepomuk
24/03/2004, 13:39
Então você concorda com o que eu disse inicialmente!? :? :( :cry: :shock:
È que você enrolou tanto e não disse nada que eu quis verificar... :?:

Gostaria que alguém com mais informação sobre o assunto me desse uma luz.

Obrigado pela atenção,

marcelo nunes
24/03/2004, 14:40
Não fique bravo pois é justamente o que o Wallace disse mesmo:

Se vc conseguir andar o tempo todo em velocidade constante, ou for motor estacionário, o ponto ideal é o de torque máximo e nada mais.
Só que num carro, o que se consegue é manter o motor apenas próximo do ponto de torque máximo, pois vc para e anda, acelera e freia, etc....
Ou seja, se você estiver exigindo força do motor, você deve esticar a marcha, no máximo, até o ponto de potência máxima.
Acima disso, lá perto da faixa vermelha do contagiros, é só mais barulho e desperdício, válvulas flutuando, detonação, etc.
Quando se troca a marcha, a rotação da marcha seguinte deve cair em cima do ponto de torque máximo, se for uma caixa muito bem escalonada, ou o mais perto possível e assim por diante.
Lógico que se não estiver precisando exigir muito do motor, o ideal é andar sem esticar tanto assim as marchas (no trânsito urbano, descarregado, é inútil esticar as marchas até o talo...), mas observando o uso próximo do ponto de maior torque se terá o melhor compromisso potência x consumo.
Aliás usando o termo correto, menor consumo específico.

SARAFOITA
29/04/2020, 18:42
Boa noite pessoal do 4X4...
Estou meio perdido aqui no fórum pois não estou conseguindo postar aqui pra vcs uma duvida ?
Eu tenho uma caminhonete a diesel que quebrou as aletas da turbina (parte fria) devido a sujeira no filtro, porém notei que essas sujeiras passaram pelo Intercooler e foram para o tubo de admissão!! Agora o que é mais correto fazer?
Será que é necessário tirar o cabeçote para verificar se a sujeira dentro da Câmara de combustão?
Ou o que entrou lá dentro já deve ter saído?
obs> a caminhonete não apresenta nenhum barulho ou mudança de funcionamento......
Obrigado a todos.....................

jecaov8
06/05/2020, 18:36
se o funcionamento esta normal a sujeira foi embora

BIOCOM
17/07/2020, 15:08
adicionando dois arquivos obtidos aqui mesmo no 4x4, sobre motores diesel