PDA

Ver Versão Completa : Compra de Camper



Mandi
16/01/2006, 14:04
Já tive um 4x4 Niva, tive que me desfazer dele para comprar um outro carro. Adoro Off Road e meus pensamentos estão voltados para uma Camper, ja ví vários no site www.camper.com.br e são espetaculares !!!
Agora tem inicio as minhas dúvidas, hoje possuo um carro a gás pois trabalho muito longe 120km dia, será que uma Camper a gás gasta muito?
Mão de obra e peças, são caras ?

Eriksom Teixeira Lima
16/01/2006, 14:45
Aqui você receberá várias sugestões sobre Camper. No seu caso específico, sugiro você entrar na lista http://br.groups.yahoo.com/group/Envemo_Camper/ exclusiva sobre o assunto.

Pelo que você descrever, você procura uma Camper 4x4 à gás. O melhor especialista em gás está na lista da yahoo, o MC. Mas ele só usa a Camper dele para o dia-a-dia (é automática e a gás).

Adianto algumas coisas:

1- gasta o mesmo que um opala 6 bocas, pois esse é o motor que equipa as Camper;

2- na maior parte dos casos, as peças são baratas, pois são de carros de linha;

3- mão-de-obra, bem, em SP o pessoal tem vários mecânicos, mas todos são mecânicos, portanto sujeitos a chuvas e trovoadas. Mas, no geral, você terá os mesmos problemas que enfrenta com qualquer outro veículo.

Detalhe mais o uso que você pretende, para a gente ajudar melhor. E entre na lista da yahoo, dê uma lida nas msg anteriores (escolha aleatoriamente páginas antigas e acompanhe algum assunto, depois faça de novo).

É isso

Eriksom

SJKCaio
16/01/2006, 15:18
O custo de manutenção vale a pena, só lembre que é uma viatura 90-93 , sempre vai ter um servicinho para fazer.
Peças de motor e interior acha-se em qq autopeças boa num preço razoavel, quando comprei a minha fiz uma revisão geral (freios, óleos, vazamentos, carburador, etc) e não assustou :D :D .
Hoje uso para rodar no dia a dia mas o trecho é bem menor (30km) por isso o gás não me atrai muito, no alcool tá fazendo 5km/l andando como pé leve, mesmo porque a 5ª tem relação 1:1 e se forçar só sobe o giro e não rende.
O Niva tb não muito economico para um motor 1.6 :x :x :x

Alguns Preços:

Farois 25,00 cada
Jogo de velas 18,00
Pastilhas de freio 20,00
Pisca 8,00
Jogo de reparo carburador 23,00
Boia do bura 15,00
Óleo 5,00-6,00 o litro

A carroceira não dá dor de cabeça, é bem reforçada e os consertos simples não passam de 50,00 (mat. /M.O)

Se for andar no gás esqueça os motores 4CC , a viatura é pesada (+- 1950 kg) vai ficar xoxa demais :x :x :x

Para uso offroad a susp. impressiona,abre muito :twisted: :twisted:

Invista um pouco e pegue uma 4X4, pois a transformação de uma 4X2 para 4X4 é quase inviavel em termos de custo.
Se vc não for muito racional e tiver grana de sobra tudo é possivel :mrgreen: :mrgreen:

Uma 6 canecos acredito que vc rode 120km com 15m3, as que eu vi com bujão de 25m3 não tinha lugar para o estepe :putz: :putz:

Boa sorte na procura

Mandi
17/01/2006, 10:46
Erikson,
Obrigado pela pronta resposta, fiz meu cadastro no Yahoo, só estou esperando a aprovação do dono do grupo.
Confesso que estou meio preocupado com o custo que terei no consumo da Camper, mas vou pegar mais algumas informações.
Valeu !!!



Aqui você receberá várias sugestões sobre Camper. No seu caso específico, sugiro você entrar na lista http://br.groups.yahoo.com/group/Envemo_Camper/ exclusiva sobre o assunto.

Pelo que você descrever, você procura uma Camper 4x4 à gás. O melhor especialista em gás está na lista da yahoo, o MC. Mas ele só usa a Camper dele para o dia-a-dia (é automática e a gás).

Adianto algumas coisas:

1- gasta o mesmo que um opala 6 bocas, pois esse é o motor que equipa as Camper;

2- na maior parte dos casos, as peças são baratas, pois são de carros de linha;

3- mão-de-obra, bem, em SP o pessoal tem vários mecânicos, mas todos são mecânicos, portanto sujeitos a chuvas e trovoadas. Mas, no geral, você terá os mesmos problemas que enfrenta com qualquer outro veículo.

Detalhe mais o uso que você pretende, para a gente ajudar melhor. E entre na lista da yahoo, dê uma lida nas msg anteriores (escolha aleatoriamente páginas antigas e acompanhe algum assunto, depois faça de novo).

É isso

Eriksom

GH
17/01/2006, 13:20
Mandi,

Em 2000, eu fiz esse mesmo caminho: saí do Niva e fui pra Camper.
É outro mundo, não tem comparação um carro com o outro.
E olhe que saí de um Niva em excelente estado para uma Camper 4x2 beeeem rodada e mal cuidada.
Aos poucos fui melhorando ela e adaptei a tração dianteira.
Passado um tempo a vendi e hoje tenho outra, dessa vez uma 94 4x4 de fábrica.

O consumo não é muito maior que o do Niva, não: o meu fazia 5,5 na cidade (a Camper faz 5) e fazia 8 na estrada (a Camper faz 7 a 7,5).
Em compensação, a Camper raramente pifa. Já o Niva...
E mais: um leve toque no acelerador basta, enquanto no Niva vc sabe, tem que subir em cima do pedal :putz:

alfreis
17/01/2006, 15:40
Mandi,

Uma pergunta básica, quanto você pretende gastar???
Essa é uma informação importante para sabermos o que sugerir...

[]'s

Alexandre
São Paulo - SP
CJ5 (S.Anita) e Camper (Vampira) - Tuuuuuuuudo a venda!!!

alfreis
23/01/2006, 08:41
Por essa faixa de preço que vc pretende gastar, uma boa opção é a camper do Silvio...

Nos anúncios do site www.camper.com.br tem uma série de campers a venda, da mais simples até uma maravilhosa de vinho, com MWM 2.8, BF 33, Rancho, Freios decentes, bancos recaro em couro, tapeçaria toda nova e mais uma série de coisas por 39 mil...Rs

[]'s

Alexandre
São Paulo - SP
CJ5 (S.Anita) e Camper (Vampira) - Tuuuuuuudo a venda

valmor
25/01/2006, 15:28
Qual configuração vcs aconselham:
- uso diario / trabalho
- viagens fins de semana c/ familia ( 280 km)
- estradas de lama c/ ladeiras
- transporte de carga c/ uso de carreta ( tipo fazendinha )

todas Camper são 2 portas ?????

[]´s

Eriksom Teixeira Lima
25/01/2006, 16:02
Para as 3 primeiras perguntas, qualquer uma com motor a diesel (afinal, você rodará uns 2 mil km por mês)

Para a 4ª, apenas as equipadas com S4T ou com um 14b Turbinado (as com 2.8 vão gemer, gemer, forçar e ....... :twisted: )

Para a 5ª, existem algumas com 4 portas, mas raras.

Eriksom

GH
26/01/2006, 08:23
Valmor,

Para rodar 280 km por viagem, uma Camper a GNV serve muito bem.
E para rodar com a família a bordo sem receio de acidentes por perder a roda traseira (não raro em Engesas e Campers), prefira uma com eixo traseiro flutuante, como a minha :lol:

Estradas de lama, ladeiras, carretinhas (ou carretonas)...isso não é absolutamente nada para ela! 8)

Por 35 k tá levando...

Eriksom Teixeira Lima
26/01/2006, 09:24
E para rodar com a família a bordo sem receio de acidentes por perder a roda traseira (não raro em Engesas e Campers), prefira uma com eixo traseiro flutuante, como a minha :lol:



Heck,

Deixe de falar bobagem. Além da minha, qual Camper que você conhece que perdeu o pneu? E a minha foi por erro de montagem de uma mecânico lá em Andaraí/Chapada Diamantina/Bahia (aliás, só deu problema lá, porque o proprietário anterior fez merda que explodiu na viagem)

Se tem uma coisa que me faz perder a paciência é esse história de Dana 46 é inseguro, perde a roda. MENTIRA!!!! Andei 10 anos com uma Bonanza, rodei mais de 250 mil km, quem comprou continua rodando nos últimos 8 anos e jamais teve problemas.

O RF já rodou com a dela centenas de milhares de km, sem problemas. O AR foi para Machu Pichu e voltou, o Aron junto, o RF também, e ninguém quebrou, nem dicou com receio. Assim eles, assim todos os da lista Envemo_Camper, exceto o GV e o Hugo Morais (este agora usa eixos de Band).

Para aqueles que lerem essa msg podem achar que fui agressivo, mas afirmar insegurança nos eixos semi-flutuantes desvaloriza TODAS as Campers originais, todos os Engesas, todos os Jeep e Cherokee e por aí afora.

Não podia deixar passar em branco tal calúnia e desinformação. Perdoem-me pela veemência! :evil:

Eriksom

GH
26/01/2006, 09:37
Aqui não tem Camper, é muito raro, mas tem muito Engesa.

E a maioria já perdeu a roda. Claro que muitos capotaram.

Por isso coloquei eixo flutuante, pois como vc sabe, a família sempre anda junto comigo.
Passei a rodar tranquilo, então.

E não venha dizer que o eixo do Engesa é diferente do da Camper porque não é: é Dana 44 como a grande maioria das Camper. Só muda a posição da bola do diferencial, que na Camper é centrada.

Era Dana 44 na 92 que tive, era na atual 94 e é na 94 do Rui também (a outra Camper aqui de Porto Alegre que conheço).

São raras que vieram com o Dana 46, apesar de constar no manual que é um Dana 46...

Só examinando para ter certeza.

E não se trata de desmerecer o carro, apenas de alertar aos desavisados, que podem sofrer acidentes como o que vc sofreu...

Eriksom Teixeira Lima
26/01/2006, 10:16
Heck

Dana 44 e Dana 46 tem a mesma resistência. A diferença de denominação é porque os primeiros foram Dana 46 vendidos no mercado brasileiro, e os gringos não aceitaram e exigiram algumas pequenas alterações e chamaram Dana 44 (assim diz a lenda).

Os Dana 44 equipam Cherokee, Engesas, Rurais e que tais. Os Dana 46 equipam as F-1000, D-20 e que tais. Diferenças dentre os Dana 46 há, pelo que entendi nos rolamentos (roletados ou não), e só.

No velho Engesão Jegue Albino do Paulo Lyra, ele perdeu a roda porque o mecânico era um idiota e usou calor para sacar as travas. Na minha, havia um erro de adaptação feita pelo proprietário anterior (as relações eram diferentes na frente e atrás. Essa idiotia do proprietário anterior foi na realidade uma cópia de algumas merdas feitas pela Engesa/Envemo, quem pagou o pato fui eu).

Até prova em contrário, as Campers com relações 3,92:1 (gasolina), 3,07:1 e 2,72:1 (diesel) não sofrem desse problema, portanto não estão sujeitas a risco. Digo mais, somente em usos extremados, trilhas pesadas e pneus 35, esse risco quando existente aumenta. Tenho certeza de que foi nessas situações que seus amigos quebraram. Como você bem sabe, nossos amigos Helena/Henrique Pieroni sempre viaja com dois filhos a bordo de sua Camper ou Bonanza (e como viaja, vejam a página http://www.familiapieroni.com.br) e não consta que eles tenham qualquer receio dos eixos semi-flutuantes Dana 46. Sem receio e sem relato de quebra nas centenas de milhares km que rodaram (ou será que já passaram do 1 milhão)

Mordo minha língua se acontecer quebra que não seja derivada de uso extremado, cagadas de monutenção/montagem ou fadiga de material (que pode ser decorrente de combianções das duas anteriores).

Como eu escrevi, acidentes como o meu são derivados de cagadas e de adaptações porcas como eu, ignorante à época, aceitei com perfeita (eixo traseiro Dana 46 com 4,27:1, eixo dianteiro de Toyota Band com 4,10:1, tudo isso em cima de pneus 35). Troquei sim o eixo traseiro porque recuperá-lo custaria mais do que colocar um traseiro Toyota Band Flutuante, e homogeneizar as relações de ambos os eixos em 3,70:1, mantendo o pneu 35.

Como o Walmor definou o uso dele como leve/médio, uma Camper normal, com pneus de tamanho 31 seria absolutamente perfeita para ele. O diesel é minha preferência, por causa da facilidade, da economia e da autonomia, principalmente esta última, que parece ser o caso dele. Imagine ter de parar numa viagem de 280km para abastecer de GNV ..... além de ficar sem porta-malas ...... ninguém merece :discordo:

Eriksom

GH
26/01/2006, 10:35
ET,

Talvez eu esteja pecando pelo excesso, usando eixo flutuante numa Camper.
Mas que os Engesa carregam o histórico, isso carregam.
E se flutuante não fôsse tão bom, Troller e Band não usariam...

Veja bem: não tenho nada contra o Dana 44 (meu CJ tem dois...), mas como Engesa perde roda!!
Ok, talvez seja falha dos mecânicos na hora da manutenção. Mas infelizmente dependemos deles.
Como viajar tranquilo depois dos merda terem mexido lá atrás??

Já quanto a Bonanza e outras viaturas: nunca ouvi falar de perda de roda.
É só Engesa, mesmo...

Numa próxima vinda sua aqui em POA vou te levar na reunião do JC local, onde concentram-se os Engeseiros e vc tira a dúvida ao vivo.

Só não venha agora, pois um deles ainda está hospitalizado recuperando-se de um tombinho do seu Engesa... :putz:

ps.: o GNV não consegue matar o porta-malas da Camper, que concordemos, é enorme! :palmas:

rodrigocbt
26/01/2006, 21:03
Meus $ 0,02...

Minha Camper é 93 Álcool e GNV, 4x4 Hilux, Dana 46 original, freio original, etc, etc (não vou fazer propaganda pois não vendo de forma alguma... mas se quiserem conhecer está na Frota 4x4 aqui no forum)

Uso-a pra trabalhar.. ou seja, viajar todo dia de 100 até 700 km, em estradas boas e ruins, terra, lama e erosões pelo interior de SP, além disso as vezes rola uma brincadeirinha no barro com ela (coisa leve ou média, pras pesadas tenho o CJ).

No GNV faço de 8 a 10 Km com m3, no álcool de 4 a 5 km/l, o cilindro de GNV me custou meio porta malas e paradas pra reabastecimento a cada 150 km... q pra mim não me incomodam.. afinal desde q saio de casa já estou trabalhando... não ando com pressa pra chegar em lugar algum... e se tiver pressa rodo tranquilo a 120/ 130 no GNV, no álcool chega a 170.... sem medo dos freios ou eixos.... :concordo:

Enfim, pro meu uso não é o carro mais racional (seria um carro zero 1.0 flex...) mas com certeza é o meio de transporte q me dá mais prazer.. afinal, chegar nas cidades de interior e ser reconhecido pelo carro diferente.... não tem preço!!!!

[]´s

Rodrigo

Eriksom Teixeira Lima
27/01/2006, 10:53
Eu realmente não entendo algumas afirmações: eu disse porque vi "gnv = ficar sem porta-malas". :parede:

O Heck diz que é enorme (na minha Camper não é tão enorme assim, mas ...). :pensativo:

Agora, vem o Rodrigo e fala a mesma coisa que eu, "gnv = meio porta-malas e paradas a cada 150km". :putz:

Por essas e outras que eu digo, e reafirmo, eu nunca erro porque tento entender o que a pessoa necessita para ajudá-la. E não falo sobre o que não sei. :twisted:

Eriksom

SJKCaio
27/01/2006, 12:28
Eu realmente não entendo algumas afirmações: eu disse porque vi "gnv = ficar sem porta-malas".


Onde vai parar um estepe 215 80 16 com um bujão de 25m3 :?: :?: :?:

Como todo carro a gas o porta-malas é penalizado

[ ]´s rodando no alcool por enquanto..........

Eriksom Teixeira Lima
27/01/2006, 18:44
Onde vai parar um estepe 215 80 16 com um bujão de 25m3 :?: :?: :?:

Como todo carro a gas o porta-malas é penalizado



Com a palavra o Heck :pensativo:

Eriksom

rodrigocbt
28/01/2006, 12:21
O meu cilindro é de 21 m3 e o estepe não pode ser 215/80.. a não ser de atravessado no porta malas, matando a outra metade do espaço... na minha era assim quando comprei.. hoje o estepe é um pneu mto menor, com aro 15, montado em rodas de caminhonete GM e fixado no lugar original.. não é o que diz a lei.. mas é menos ilegal que andar sem nada.... se furar um pneu algum dia não pretendo usar o estepe mesmo....


[]´s
Rodrigo

fpandur
28/01/2006, 18:53
O que vou dizer aqui já escrevi antes na lista das Camper:

Em minha opinião, o maior problema dos Dana 44 é o rolamento de esferas, que é blindado e não admite lubrificação externa. Então se você passa constantemente por alagados e terrenos semelhantes, a água acaba por retirar a graxa interna, o rolamento começa a aquecer e acaba por "esfarelar". Talvez seja por isso que o índice de rodas pulando fora em Engesas seja muito maior que em Campers, D-20s, etc, etc, etc. :wink: Nos Willys/Ford a partir de 72, o esquema é o mesmo. Eu sei de pelo menos 4 casos de Willys/Ford perderem rodas por aí, e presenciei ao vivo uma das ocasiões, uma Rural perdeu a roda com eixo e tudo na estrada a cerca de 90 Km/h .... :x
Nos Willys/Ford antes de 72, o Dana 44 utilizava rolamentos cônicos. Muito mais robustos, com lubrificação externa por graxa. (tenho esse no meu CJ). A diferença é gritante, não dá p/ imaginar aquele rolamento se esfarelando e a roda saindo ....

No caso dos Dana 46, discordo que tenham a mesma resistência que os Dana 44. Quase tudo no 46 é maior que o 44: cruzetas, caixa-satélite, eixos, rolamentos, etc. A diferença é pouca, mas existe, tanto que as peças não são intercambiáveis. E no 46 aboliram os rolamentos de esferas. Passaram a usar cônicos, com lubrificação pelo óleo do diferencial. Além de algumas Campers, as F-1000 "modernas" ( a partir de 92) também o utilizaram. Não tenho conhecimento de outros veículos. E p/ finalizar, pelo que consta no site da Dana, as D-20 utilizavam Braseixos (não sei se todas), uma 2ª linha da Dana. Pergunta p/ qualquer Opaleiro que entende do assunto o que ele acha do eixo Braseixos .... :roll:

GH
31/01/2006, 13:35
Pessoal,

A referência que fiz quanto ao porta malas com GNV, esqueci de mencionar que a Camper que vi (uma das 4 que rodam em POA...), que é do Rui, tem 34 m de GNV, mas tem originalmente o estepe FOR do porta malas.
Então, o porta malas continua bem bom.
Como também acho bom o da original, com estepe e sem GNV.
Acho que é maior que o da Cherokee.