Página 2 de 3 PrimeiroPrimeiro 123 ÚltimoÚltimo
Resultados 13 a 24 de 34
  1. #13
    Usuário Avatar de chico menina
    Entrada
    18/11/2005
    Local
    São Paulo/SP
    Idade
    49
    Posts
    23

    motor opala aquecendo




    Citação Postado originalmente por Mozer Ver Post
    Olá pessoal,

    Batalhei bastante nos ultimos dias pra terminar a montagem do meu Jeep que foi desmontado pra reforma em 2004 e desde então virou novela, mas parece que agora que o negocio realmente andou é que os problemas vieram. Não estou entendo porque mas o motor tá aquecendo muito quando parado, sendo ventoinha mecânica. Segundo o mecânico é por que tah muito distante do radiador, cerca de 15cm. Fiquei encucado com a coisa pois o motor está sem válvula termostática e o radiador foi limpo antes de montar, além disso o radiador do jeep é bem maior q do opala 4cc.

    Fico grado por qualquer luz que se acender....
    Mozer,

    Coloque a válvula termostática que e essencial para o bom funcionamento do sistema de arrefecimento, pois a água precisa de algum tempo no radiador para ser refrigerada.

    Abraço,
    Chico Menina

  2. #14
    Usuário Avatar de Marcos ET
    Entrada
    19/01/2004
    Local
    Palmas/TO
    Idade
    39
    Posts
    1,523
    Citação Postado originalmente por Paulo Sabra Ver Post
    Marcos ET

    Eu também pensava como vc, manter a ventoinha mecanica original e instalar uma ventoinha elétrica de ar condicionado (que empurra o ar) entre a grade e o radiador, mas depois que vi uma explicação do Leopoldo (...) mudei o meu conceito. Pois ele faz uma comparação quanto a vc respirar com a mão na frente da boca com os dedos um pouco entre abertos e pergunta o que é mais facil empurrar o puxar o ar. Essa experiência me convenceu.
    Poizé Paulo, mas vou contar umas coisas que tenho aprendido aqui...

    1. Moro em uma cidade (Palmas - TO) que no verão maltrata as pessoas com calor de 47°C
    2. Tenho um Jeep CJ3A que sofre com o motor GM151 (álcool) e radiador de alumínio do Opala 6cil.
    3. Quebro a cabeça a algum tempo sobre como resolver estes problemas a algum tempo, e venho "melhorando" a cada dia....

    Por "tentativa e erro", já alterei algumas configurações e modifiquei algo no motor... troquei cabeçote (que antes era muito rebaixado), troquei radiador (que antes era original do jeep), troquei polias (que agora tem uma maior relação de multiplicação), fucei na carburação e no ponto de ignição, tentei diversos tipos de aditivo para radiadores e as mais diversas proporções..... (inclusive as do fabricante! rsrs).... e tudo isso só começou a funcionar DEPOIS da instalação de uma ventoinha elétrica (ar-condicionado do VECTRA antigo) entre a grade e o radiador....!

    SE voce usa os dedos entreabertos em frente à sua boca para tentar respirar, certamente terá dificuldades, MAS, se vc tiver um LEQUE em suas mãos que "empurra" o ar para dentro da sua boca, enquanto seus pulmões puxam o ar do "outro lado da sua boca", certamente a passagem de ar pela "boca" será maior... muuuuuito maior! ou seja: se uma hélice está desligada a frente do radiador, certamente prejudicará a outra, que está atrás... MAS SE as duas estiverem operando (uma empurra e a outra puxa), nao há como o resultado ser pior.

    Uso a hélice de cinco pás a alguns centímetros do radiador e já pensei em aproximá-la... MAS percebi que uma certa distancia é saudável para o sistema, uma vez que em trilhas, quando o motor "sacode" apoiado nos coxins, a hélice "passeia para frente e para trás.. e vai para um lado e para outro... claro que a movimentaçao é de poucos centímetros... mas aproximar muito a hélice da grade pode ser um prejuizo muito grande! se for assim, prefira montar uma coifa.... e prefira tbem a instalaçao da hélice de sete pás... ou a de onze.... rs

  3. #15
    Usuário Avatar de Sergio Willys
    Entrada
    17/04/2005
    Idade
    56
    Posts
    221

    Wink Problema é a distância

    Tenho um 61 com motor Opala 4cil. O motor foi instalado dem alteração no painel corta-fogo, portanto a hélice fica (na parte inferior) a menos de 1 centímetro do radiador. Na parte superior fica a 2,5 cm. Deste forma, ele não superaquece no trânsito ou nas trilhas, mas na estrada, acima dos 80, a temperatura sobe bastante. Só tenho o relógio original de temperatura, mas para não ficar no vôo cego, peguei um termômetro de contato, e fiz uma série de medições. Conclusão, com o ponteiro da temperatura já praticamente fora do visual no painel (marcando "mais quente impossível") a temperatura no sistema era de 85ºC, ou seja, perfeitamente aceitável para a mecânica Opala. Assim, posso dizer que o sitema do 61 tá razoável.
    Minha dúvida é por que a temperatura é mais alta na estrada, com vento de proa soprando a mil? Será que a capacidade de sucção da hélice é menor que a relativa entre o Jeep e o ar, e a hélice funciona com freio para a ventilação?

    Fica para o próximo capítulo !!!!

  4. #16
    Banido
    Entrada
    01/12/2007
    Idade
    38
    Posts
    30
    Citação Postado originalmente por Sergio Willys Ver Post
    Tenho um 61 com motor Opala 4cil. O motor foi instalado dem alteração no painel corta-fogo, portanto a hélice fica (na parte inferior) a menos de 1 centímetro do radiador. Na parte superior fica a 2,5 cm. Deste forma, ele não superaquece no trânsito ou nas trilhas, mas na estrada, acima dos 80, a temperatura sobe bastante. Só tenho o relógio original de temperatura, mas para não ficar no vôo cego, peguei um termômetro de contato, e fiz uma série de medições. Conclusão, com o ponteiro da temperatura já praticamente fora do visual no painel (marcando "mais quente impossível") a temperatura no sistema era de 85ºC, ou seja, perfeitamente aceitável para a mecânica Opala. Assim, posso dizer que o sitema do 61 tá razoável.
    Minha dúvida é por que a temperatura é mais alta na estrada, com vento de proa soprando a mil? Será que a capacidade de sucção da hélice é menor que a relativa entre o Jeep e o ar, e a hélice funciona com freio para a ventilação?

    Fica para o próximo capítulo !!!!
    Sergio o mais certo seria vc colocar a ventoinha do astra que é mais fina e manter a hélice do motor, essa acredito seria a receita mais próxima para o motor do opala se manter refrigerado numa temperatura aceitavel.
    um abraço

  5. #17
    Usuário Avatar de Marcos ET
    Entrada
    19/01/2004
    Local
    Palmas/TO
    Idade
    39
    Posts
    1,523
    Meus amigos, a questao do superaquecimento, ao que parece, é mais comum em estradas mesmo... nas trilhas eu só tenho estes problemas depois de pegar uma suuuper subida, ou depois de umas "pisadas" pra tirar o jeep da lama......
    Acho que estes motores (teoria minha, sem nenhum fundamento comprovado) nao se dao muito bem com o trabalho que eles tem que realizar, movendo um cambio, uma t-case, um (ou dois, dependendo de ter ou nao roda livre) diferenciais, quatro pneus "grandes" (incluem-se aqui todos os 700x16 até onde a imaginação alcança) e tudo isso montado em uma carroceria que "briga" muito com o vento (aerodinamica ZERO!)... acho que tudo isso, aliado a relação final da viatura, que mantém os RPM do GM151 um pouco acima do "normal" para estrada... acho que tudo isso junto esquenta um pouco mais aquele "tanto" de ferro fundido.....

    No meu caso, tou estudando uma maneira de ampliar o sistema de arrefecimento, aumentando a vasao do fluido refrigerante (alteração da relação entre as polias da bomba de água e do virabrequim) e aumentando a quantidade de fluido também (utilização de um vaso-expansor grande e de um radiador ainda maior doque o original dos 6 cilindros), a instalaçao de uma hélice de 11 pás e um maior distanciamento do radiador com a grade e com a ventoinha elétrica...

    O comando da temperatura do motor ainda permanece sob responsabilidade da termoestática (sei lá se é assim que escreve), só que, quando ela abrir... a demanda de água e aditivo será muito maior em uma RPM menor......

  6. #18
    Usuário Avatar de valdir rainer
    Entrada
    26/09/2006
    Local
    São Paulo/SP
    Idade
    55
    Posts
    1,545
    Citação Postado originalmente por Sergio Willys Ver Post
    Tenho um 61 com motor Opala 4cil. O motor foi instalado dem alteração no painel corta-fogo, portanto a hélice fica (na parte inferior) a menos de 1 centímetro do radiador. Na parte superior fica a 2,5 cm. Deste forma, ele não superaquece no trânsito ou nas trilhas, mas na estrada, acima dos 80, a temperatura sobe bastante. Só tenho o relógio original de temperatura, mas para não ficar no vôo cego, peguei um termômetro de contato, e fiz uma série de medições. Conclusão, com o ponteiro da temperatura já praticamente fora do visual no painel (marcando "mais quente impossível") a temperatura no sistema era de 85ºC, ou seja, perfeitamente aceitável para a mecânica Opala. Assim, posso dizer que o sitema do 61 tá razoável.
    Minha dúvida é por que a temperatura é mais alta na estrada, com vento de proa soprando a mil? Será que a capacidade de sucção da hélice é menor que a relativa entre o Jeep e o ar, e a hélice funciona com freio para a ventilação?

    Fica para o próximo capítulo !!!!
    Olá Sergio,qual é o carburador que vc está usando?

    Qual é o filtro de ar que vc está usando?

    Éstas duas péças se não estiver de acordo com o motor certamente ira esquentar na estrada.

    Um abraço.

  7. #19
    Usuário Avatar de Sergio Willys
    Entrada
    17/04/2005
    Idade
    56
    Posts
    221

    Cabeça quente !

    Fala Valdir:
    O carburador é um dos originais de fábrica, um DFV (dos mais comuns dos Opalas). Já o conjunto de filtro, é da Pampa, colocado ao lado do motor com uma mangueira que sobe para o carburador. Anexo foto (em tons de marrom) para que você visualize. O Elemento filtrante é o mesmo usado pelos MB 608. Realmente, quando o filtro suja, o motor esquenta mais. Já troquei o escapamento, que tinha um silenciador de Fiat, e ajudava mais a esquentar.
    Agora, não uso aditivo. Tentei usarm mas começou a trazer vazamentos no radiador, que teve que ir pra solda, e o Sr.Vasco (velho radiadoreiro sabe?) me avisou: Para de botar aditivo que vai furar tudo! ..... E vamos levando....
    Miniaturas de Anexos Miniaturas de Anexos Motor de opala aquecendo-dsc04591.jpg  

  8. #20
    Usuário Avatar de Sergio Willys
    Entrada
    17/04/2005
    Idade
    56
    Posts
    221
    Fala Malakaba...
    Cara, num cabe nada entre a hélice e o radiador. Posso criticar pois as alterações já estavam feitas quando eu comprei o Jeep, mas o cara que fez, colou o que podia para não alterar o painel corta-fogo.

    Já pensei em trocar de radiador, por um de Jeep mesmo e usar fluido desde o início. Mas como as medições mostraram que a temperatura é razoável, meio que desestressei. Na foto que anexei para o Valdir, dá prater uma idéia da amizade da hélice com o radiador... e do tipo de água que o 61 costuma beber....rsrsrsr
    Abraço

  9. #21
    Usuário Avatar de henrique mendel
    Entrada
    22/12/2006
    Posts
    57
    opa,
    tambem tinha problemas de aquecimento no jeep com o GM 151, ele ficava tao quente que chagava apagar nas trilhas. Entao foi feito um radiador sobre medida pra ele com "maior capacidade de resfriamento", e tambem foi trocado a pa da ventuinha mecanica por uma de ferro, pois quem trocou disse que a de plastico apartir de um certo giro as pas ficam retas e ela nao toca mais muito vento...
    foram feitas essas coisas e desde entao nunca mais o jep teve problema com aquecimento....

    vlw

  10. #22
    Usuário Avatar de valdir rainer
    Entrada
    26/09/2006
    Local
    São Paulo/SP
    Idade
    55
    Posts
    1,545
    Citação Postado originalmente por Sergio Willys Ver Post
    Fala Valdir:
    O carburador é um dos originais de fábrica, um DFV (dos mais comuns dos Opalas). Já o conjunto de filtro, é da Pampa, colocado ao lado do motor com uma mangueira que sobe para o carburador. Anexo foto (em tons de marrom) para que você visualize. O Elemento filtrante é o mesmo usado pelos MB 608. Realmente, quando o filtro suja, o motor esquenta mais. Já troquei o escapamento, que tinha um silenciador de Fiat, e ajudava mais a esquentar.
    Agora, não uso aditivo. Tentei usarm mas começou a trazer vazamentos no radiador, que teve que ir pra solda, e o Sr.Vasco (velho radiadoreiro sabe?) me avisou: Para de botar aditivo que vai furar tudo! ..... E vamos levando....

    Olá sergio,vendo esse motor até me deu saudade do meu jeep,que ainda está na reforma.
    Com esse carburador e esse filtro de ar não é para esquentar,a não ser que vc está se referindo quando sai da trilha ,ai do jeito que está esse motor vai esquentar mesmo,imagina como deve estar esse radiador,não tem vento que passe por ele.
    Da uma olhada,com o motor parado e acelerando ele no carburador,se não tem nenhuma mangueira fechando,se tiver coloque uma mola por dentro dela.
    Agora da uma olhada no diametro do cano de escape,como vc disse que usava silencioso do fiat é bem provavel que esse cano esteja muito fino,ai com certeza ele vai esquentar.
    O aditivo eu uso só aquele oleo soluvio que os torneiros usam,pode colocar sem medo,coloque um copo que é o suficiente.
    tenho jeep a quase trinta anos e só uso ele.
    Um abraço.

  11. #23
    Usuário Avatar de Mozer
    Entrada
    15/11/2004
    Local
    Casimiro de Abreu/RJ
    Idade
    34
    Posts
    243
    Tava lendo isso tudo aí e pensando uma coisa, o meu tah esquentando sem pegar estrada nem nada, até parado na oficina esquenta e começa a jogar água fora, imagina voado então... Acho q vou fazer uma peça de madeira pra aproximar o radiador da hélice pra ver se melhora alguma coisa, se for esse o caso faço algo definitivo. Essa questão de esquentar na estrada também é muito relativo à R&P usada, por exemplo o meu é 43x8 o que esguela muito o motor acima de 80km.

  12. #24
    Usuário Avatar de chico menina
    Entrada
    18/11/2005
    Local
    São Paulo/SP
    Idade
    49
    Posts
    23
    Citação Postado originalmente por Mozer Ver Post
    Tava lendo isso tudo aí e pensando uma coisa, o meu tah esquentando sem pegar estrada nem nada, até parado na oficina esquenta e começa a jogar água fora, imagina voado então... Acho q vou fazer uma peça de madeira pra aproximar o radiador da hélice pra ver se melhora alguma coisa, se for esse o caso faço algo definitivo. Essa questão de esquentar na estrada também é muito relativo à R&P usada, por exemplo o meu é 43x8 o que esguela muito o motor acima de 80km.
    Mozer,
    Faça uma revisão em todo o sistema de arrefecimento começando pelo radiador examinando se a colmeia não esta obstruida por terra, se as aletas não estão amassadas, estado das mangueiras, bomba d'água e instale a válvula termostatica. Como o motor esta esquentado parado e possível que a junta de cabeçote esteja queimada. Dependendo da situação pode ocorrer de misturar água no óleo ou a compressão do motor passar para o sistema de arrefecimento. As soluções dos colegas são todas muito boas, mas só ira funcionar se todo o sistema estiver bem acertado e dimencionado.
    Espero estar contribuindo de alguma forma,
    Abraço
    Chico Menina

Página 2 de 3 PrimeiroPrimeiro 123 ÚltimoÚltimo

Informações de Tópico

Usuários Navegando neste Tópico

Há 1 usuários navegando neste tópico. (0 registrados e 1 visitantes)

Permissões de Postagem

  • Você não pode iniciar novos tópicos
  • Você não pode enviar respostas
  • Você não pode enviar anexos
  • Você não pode editar suas mensagens
Topo