Convex Datacenter
Página 2 de 23 PrimeiroPrimeiro 123456789101112 ... ÚltimoÚltimo
Resultados 13 a 24 de 270
  1. #13
    Usuário
    Entrada
    18/01/2014
    Local
    Fortaleza/CE
    Idade
    39
    Posts
    502
    Agradecimentos: 5



    Tuna e Luciano sejam bem vindos ao tópico.
    Luciano a recuperação do chassi não é tão complicado. O mais importante é a união das partes que foram cortadas por inteiro.
    Aqui eu uso a seguinte técnica: corto a parte reta que está podre, levo uma amostra para ser virada conforme a original. No ponto que vai unir os dois perfis coloco internamente um pedaço de perfil, que evita sobrecarregar o local de junção (soldas) das longarinas, além de dar mais segurança serve para suportar o peso da estrutura diminuindo as chances de trincas ou quebra da solda naquele local.
    Eu acho muito bonita as F75, se sobrar Dilmas um dia compro uma e adapto a mecânica da band nela.
    "Saudações a quem tem coragem
    Aos que tão aqui pra qualquer viagem..."


  2. #14
    Usuário
    Entrada
    18/01/2014
    Local
    Fortaleza/CE
    Idade
    39
    Posts
    502
    Agradecimentos: 5
    Hoje a Fênix recebeu alguns presentes:
    - Um gancho de reboque usado que comprei na sucata.
    Apesar dessa peça ser vendida nova eu prefiro as originais. São mais fortes e esteticamente mais charmosas.
    Montarei duas na frente.

    .-dsc_0127.jpg

    - Conjunto completo da suspensão do MB 1113.
    Muitos me criticaram a respeito dessa modificação dos jumelos, sou contrario a opinião deles. Pensei muito antes de fazer a substituição.
    Fiz comparações e tirei medidas comparativas com os originais.
    As imagens abaixo dá para ver que os da band são quase tamanho dos do MB 1113, muda apenas aparte de fixação.
    O suporte de mola da traseiro da band chega a ser maior que o do MB
    Eles são um pouco mais caro, mas em robustez e durabilidade vale cada centavo. Quem tiver interessado em fazer esse UP vá em frente
    que vale a pena.
    -dsc_0118.jpg-dsc_0126.jpg-dsc_0122.jpg

    - Vejam a diferença dos terminais de direção do MB 608, faz os da band parecer um brinquedo.
    -dsc_0120.jpg-dsc_0124.jpg

    - Feixe de molas dianteiro
    -dsc_0121.jpg
    Gostaria da opinião de vocês !
    Aqui em Fortaleza não vendem mais feixes para a band, os da pick up principalmente. Já fui a vários lugares atrás do feixe traseiro
    e não encontrei. ME ACONSELHARAM A REFORMAR OS VELHOS, FAZENDO A TROCA DE ALGUMAS MOLAS E UM ARQUEAMENTO, MAS EU SEI QUE OS MEUS FEIXES NÃO ESTÃO MAIS EM CONDIÇÕES DE ARQUEAR.
    SERÁ QUE ESSA SOLUÇÃO VALE A PENA CERTO?
    Um forte abraço a todos. Darei uma ligeira parada para o bouço respirar, assim que tiver novidades postarei.
    nn
    "Saudações a quem tem coragem
    Aos que tão aqui pra qualquer viagem..."


  3. #15
    Usuário
    Entrada
    17/08/2009
    Local
    Rio/RJ
    Idade
    43
    Posts
    3,838
    Agradecimentos: 0
    Num posto de molas pode ser montado um conjunto de feixe de molas novo, basta levar o antigo de gabarito.

  4. #16
    Equipe de Apoio Avatar de tuna
    Entrada
    29/04/2003
    Local
    Campinas/SP
    Idade
    46
    Posts
    3,325
    Agradecimentos: 12
    Rodrigo, vou deixar minha opinião, a questão é polêmica, portanto essa é só minha opinião, sou contra o reforço excessivo do sistema terminais/barra de direção, se considerarmos todos os elementos envolvidos na equação, terminais/barras foram projetos para serem fusíveis do sistema...
    eu uso terminais reforçados da Della Rosa para willys, porém eles mantém a medida do cônico original e da rosca da barra também... portanto não há necessidade de reforçar a barra...
    Explico, eu prefiro ter que trocar terminais com mais frequência a não saber a que tipo de fadiga meus MUNHÕES estão sendo submetidos, também prefiro ter o trabalho, numa trilha, de tirar a barra de direção e desentortá-la do que ter administrar o remendo de um munhão quebrado...
    Vc. terá que retrabalhar o munhão para colocar terminais mais parrudos, e eu não sei até que ponto essa intervenção é saudável.
    Mas peraí, todo mundo usa, e nunca aconteceu nada...
    Pois é, agora imagina o tanto de porrada que o munhãozinho original enfraquecido pelo alargamento está tomando lá, porque não tem ninguém mais no sistema para ceder, na hora que o munhão colapsar, uma roda vai pra cada lado e já viu, nunca se sabe se isso vai acontecer estacionando ou a 100 por hora numa rodovia.

    Minha humilde opinião, tenha-a como dois centavos de contribuição.

    Novamente parabéns pelo criterioso trabalho com o chassis

    []'s
    Tuna
    Cj-5 1966 - "Tsunami"

  5. #17
    Usuário
    Entrada
    18/01/2014
    Local
    Fortaleza/CE
    Idade
    39
    Posts
    502
    Agradecimentos: 5
    Citação Postado originalmente por HERICK Ver Post
    Num posto de molas pode ser montado um conjunto de feixe de molas novo, basta levar o antigo de gabarito.
    Herick obrigado pela dica vou passar em posto de molas para ver o orçamento.
    Forte abraço.
    "Saudações a quem tem coragem
    Aos que tão aqui pra qualquer viagem..."


  6. #18
    Usuário
    Entrada
    18/01/2014
    Local
    Fortaleza/CE
    Idade
    39
    Posts
    502
    Agradecimentos: 5
    [QUOTE=tuna;2250457]Rodrigo, vou deixar minha opinião, a questão é polêmica, portanto essa é só minha opinião, sou contra o reforço excessivo do sistema terminais/barra de direção, se considerarmos todos os elementos envolvidos na equação, terminais/barras foram projetos para serem fusíveis do sistema...
    eu uso terminais reforçados da Della Rosa para willys, porém eles mantém a medida do cônico original e da rosca da barra também... portanto não há necessidade de reforçar a barra...
    Explico, eu prefiro ter que trocar terminais com mais frequência a não saber a que tipo de fadiga meus MUNHÕES estão sendo submetidos, também prefiro ter o trabalho, numa trilha, de tirar a barra de direção e desentortá-la do que ter administrar o remendo de um munhão quebrado...
    Vc. terá que retrabalhar o munhão para colocar terminais mais parrudos, e eu não sei até que ponto essa intervenção é saudável.
    Mas peraí, todo mundo usa, e nunca aconteceu nada...
    Pois é, agora imagina o tanto de porrada que o munhãozinho original enfraquecido pelo alargamento está tomando lá, porque não tem ninguém mais no sistema para ceder, na hora que o munhão colapsar, uma roda vai pra cada lado e já viu, nunca se sabe se isso vai acontecer estacionando ou a 100 por hora numa rodovia.]

    [Minha humilde opinião, tenha-a como dois centavos de contribuição.]

    Grande Tuna, concordo com tudo que você relatou. Fiquei muito contente por você ter levantado essa questão, por que me fez lembrar de algo que tinha esquecido de comentar.
    Quando resolve fazer essa mudança radical percebe que o furo cônico do braço do munhão não poderia ser reaberto para usar esses terminais do MB 608, por que ficaria muito frágil.
    Será confeccionando um conjunto de braços de munhão para trabalhar com esse sistema. O material que usarei será o aço 4340, para você ter ideia até para usinarmos ele é trabalhoso.
    Trabalhei muito tempo na área metal mecânica. Esse material era muito usado por nós da oficina para fazermos peças para guindastes que trabalhavam no porto suspendendo conteiners. Antes de fazermos essas peças fizemos vários ensaios mecânicos para descobrir qual o melhor material a ser usado para evitar as constantes quebras das peças dos guindastes e o aço 4340 foi o que deu a melhor resposta para atrito, fadiga, resistência a torções.
    Outra possibilidade que pode ser cogitada é o tratamento térmico para essas peças (revinimento), nesse caso a peça vai para o forno recebe
    uma camada de tempera que endurece a penas as camadas superficiais da peça. Esse tipo de tratamento permite que a peça mantenha suas características elásticas. Evita que fique quebradiça (peças forjadas ou temperadas).
    Um abração.
    4X4 Brasil
    "Saudações a quem tem coragem
    Aos que tão aqui pra qualquer viagem..."


  7. #19
    Citação Postado originalmente por tuna Ver Post
    Rodrigo, vou deixar minha opinião, a questão é polêmica, portanto essa é só minha opinião, sou contra o reforço excessivo do sistema terminais/barra de direção, se considerarmos todos os elementos envolvidos na equação, terminais/barras foram projetos para serem fusíveis do sistema...
    eu uso terminais reforçados da Della Rosa para willys, porém eles mantém a medida do cônico original e da rosca da barra também... portanto não há necessidade de reforçar a barra...
    Explico, eu prefiro ter que trocar terminais com mais frequência a não saber a que tipo de fadiga meus MUNHÕES estão sendo submetidos, também prefiro ter o trabalho, numa trilha, de tirar a barra de direção e desentortá-la do que ter administrar o remendo de um munhão quebrado...
    Vc. terá que retrabalhar o munhão para colocar terminais mais parrudos, e eu não sei até que ponto essa intervenção é saudável.
    Mas peraí, todo mundo usa, e nunca aconteceu nada...
    Pois é, agora imagina o tanto de porrada que o munhãozinho original enfraquecido pelo alargamento está tomando lá, porque não tem ninguém mais no sistema para ceder, na hora que o munhão colapsar, uma roda vai pra cada lado e já viu, nunca se sabe se isso vai acontecer estacionando ou a 100 por hora numa rodovia.

    Minha humilde opinião, tenha-a como dois centavos de contribuição.

    Novamente parabéns pelo criterioso trabalho com o chassis

    []'s
    compartilho da sua opinião sou totalmente contra o famoso "fica bão","todo mundo usa", felizmente no Caso do nosso amigo ele tem vasta experiencia com metais e suas adaptações serão com embasamento técnico coisa difícil de se encontrar aqui pelo fórum...

    No caso das molas, não aconselho arquear, em poucos meses volta.. molas novas sao baratas procure por essa marca http://www.aesa.com.br/molas..

    maravilhoso esse seu serviço de restauraçao do chassis, o meu preferi trocar a parte de tras..

    -p1080246.jpg-p1080249.jpg
    Amarok CS S 17/17
    Ranger CS XL 4x4 3,0 08
    Band jipe 00 / Band militar 4 portas 99

  8. #20
    Usuário
    Entrada
    18/01/2014
    Local
    Fortaleza/CE
    Idade
    39
    Posts
    502
    Agradecimentos: 5
    Opa! Dudu como tem passado?
    Muito obrigado pela dica.
    Será que o pessoal da aesa vende para pessoa física e mandaria via transportadora os feixes.
    Hoje conversei com um fornecedor de molas aqui de Fortaleza, mas as molas que eles fabricam são muito mau vista no mercado, quebram muito.
    Gostei muito da sua técnica de amarração para soldar o chassi evitando que as longarinas empenem. Um belo trabalho.
    "Saudações a quem tem coragem
    Aos que tão aqui pra qualquer viagem..."


  9. #21
    Citação Postado originalmente por Rodrigo-ce Ver Post
    Opa! Dudu como tem passado?
    Muito obrigado pela dica.
    Será que o pessoal da aesa vende para pessoa física e mandaria via transportadora os feixes.
    Hoje conversei com um fornecedor de molas aqui de Fortaleza, mas as molas que eles fabricam são muito mau vista no mercado, quebram muito.
    Gostei muito da sua técnica de amarração para soldar o chassi evitando que as longarinas empenem. Um belo trabalho.
    Entra em contato com a fabrica... pelo menos eles podem indicar alguma revenda no Nordeste, afinal acredito que uns 90% das band fabricadas foram parar em Pernambuco rsrssr

    tive que bolar esse jeito de remendar as partes, diminui 50 cm o chassis, ate procurei algumas oficinas especializadas em chassis mas mesmo explicando o serviço pros "profissionais" parecia que eu estava tentando reinventar a roda, resolvi fazer peguei algumas travessas de forma de concreto que possuem roscas sem fim e fui alinhando, no final nao gastei nem R$100,00 pra fazer o chassis...a parte de tras retirei de um chassis que comprei num ferro velho por R$400,00
    Amarok CS S 17/17
    Ranger CS XL 4x4 3,0 08
    Band jipe 00 / Band militar 4 portas 99

  10. #22
    Equipe de Apoio Avatar de tuna
    Entrada
    29/04/2003
    Local
    Campinas/SP
    Idade
    46
    Posts
    3,325
    Agradecimentos: 12
    [QUOTE=Rodrigo-ce;2250730]
    Citação Postado originalmente por tuna Ver Post
    Rodrigo, vou deixar minha opinião, a questão é polêmica, portanto essa é só minha opinião, sou contra o reforço excessivo do sistema terminais/barra de direção, se considerarmos todos os elementos envolvidos na equação, terminais/barras foram projetos para serem fusíveis do sistema...
    eu uso terminais reforçados da Della Rosa para willys, porém eles mantém a medida do cônico original e da rosca da barra também... portanto não há necessidade de reforçar a barra...
    Explico, eu prefiro ter que trocar terminais com mais frequência a não saber a que tipo de fadiga meus MUNHÕES estão sendo submetidos, também prefiro ter o trabalho, numa trilha, de tirar a barra de direção e desentortá-la do que ter administrar o remendo de um munhão quebrado...
    Vc. terá que retrabalhar o munhão para colocar terminais mais parrudos, e eu não sei até que ponto essa intervenção é saudável.
    Mas peraí, todo mundo usa, e nunca aconteceu nada...
    Pois é, agora imagina o tanto de porrada que o munhãozinho original enfraquecido pelo alargamento está tomando lá, porque não tem ninguém mais no sistema para ceder, na hora que o munhão colapsar, uma roda vai pra cada lado e já viu, nunca se sabe se isso vai acontecer estacionando ou a 100 por hora numa rodovia.]

    [Minha humilde opinião, tenha-a como dois centavos de contribuição.]

    Grande Tuna, concordo com tudo que você relatou. Fiquei muito contente por você ter levantado essa questão, por que me fez lembrar de algo que tinha esquecido de comentar.
    Quando resolve fazer essa mudança radical percebe que o furo cônico do braço do munhão não poderia ser reaberto para usar esses terminais do MB 608, por que ficaria muito frágil.
    Será confeccionando um conjunto de braços de munhão para trabalhar com esse sistema. O material que usarei será o aço 4340, para você ter ideia até para usinarmos ele é trabalhoso.
    Trabalhei muito tempo na área metal mecânica. Esse material era muito usado por nós da oficina para fazermos peças para guindastes que trabalhavam no porto suspendendo conteiners. Antes de fazermos essas peças fizemos vários ensaios mecânicos para descobrir qual o melhor material a ser usado para evitar as constantes quebras das peças dos guindastes e o aço 4340 foi o que deu a melhor resposta para atrito, fadiga, resistência a torções.
    Outra possibilidade que pode ser cogitada é o tratamento térmico para essas peças (revinimento), nesse caso a peça vai para o forno recebe
    uma camada de tempera que endurece a penas as camadas superficiais da peça. Esse tipo de tratamento permite que a peça mantenha suas características elásticas. Evita que fique quebradiça (peças forjadas ou temperadas).
    Um abração.
    Aí sim tem know how aí pra mais de metro!!

    Continuo acompanhando e aprendendo aqui.

    []'s
    Tuna
    Cj-5 1966 - "Tsunami"

  11. #23
    Usuário
    Entrada
    18/01/2014
    Local
    Fortaleza/CE
    Idade
    39
    Posts
    502
    Agradecimentos: 5
    Dudu com relação aos feixes estou tentando negociar com a Fama. Falei hoje com a representante que ficou de me dar uma resposta.
    Já os Fabrini até para as hilux é difícil encontrar aqui.
    Aqui na minha região tem uma fabrica de molas chamada Tabuleiro, amanhã vou ver o custo dos feixes.
    Caso não consiga os da Fama vou ficar com os da tabuleiro. Os da Fabrini já desisti.
    "Saudações a quem tem coragem
    Aos que tão aqui pra qualquer viagem..."


  12. #24
    Usuário
    Entrada
    18/01/2014
    Local
    Fortaleza/CE
    Idade
    39
    Posts
    502
    Agradecimentos: 5
    Tuna tudo bem.
    As obras pararam um pouco ultimamente ando na batalha para encontrar os feixes traseiros.
    Meu tempo também está curtíssimo é por isso que só entro no fórum esse horário, é quando eu sento na cadeira para descansar,
    está sendo uma verdadeira maratona: trabalho, estudo, os serviços da band, as filhas e ainda sair para procurar e comprar peças.
    Outra coisa que anda me preocupando são as soldas que tenho feito com a mig que não tem saído lá essas coisa. Foi a única coisa que não tive tempo de aprender nas oficinas que trabalhei, mas devagarinho eu chego lá.
    Acredito que logo logo terei novidades.
    Forte abraço.
    "Saudações a quem tem coragem
    Aos que tão aqui pra qualquer viagem..."


Classificados ANUNCIE GRÁTIS

AQUI VOCÊ ENCONTRA TUDO

Informações de Tópico

Usuários Navegando neste Tópico

Há 1 usuários navegando neste tópico. (0 registrados e 1 visitantes)

Tópicos Similares

  1. javali fase final fênix
    Por BIOCOM no fórum Outros
    Respostas: 29
    Última resposta: 25/11/2013, 13:16
  2. TOY A Fenix
    Por Deninson no fórum Frota 4x4 Brasil
    Respostas: 1
    Última resposta: 14/02/2012, 22:51
  3. Compra de Picape para grande aventura!
    Por fabionuts no fórum Picapes
    Respostas: 44
    Última resposta: 10/07/2011, 11:39
  4. Respostas: 64
    Última resposta: 01/11/2006, 16:54
  5. Reforma do Fenix
    Por Luciano R. Oliveira no fórum Jeep Willys
    Respostas: 3
    Última resposta: 29/06/2004, 11:54

Tags para este Tópico

Permissões de Postagem

  • Você não pode iniciar novos tópicos
  • Você não pode enviar respostas
  • Você não pode enviar anexos
  • Você não pode editar suas mensagens
  • BB Code está Ligado
  • Smilies estão Ligados
  • Código [IMG] está Ligado
  • Código HTML está Desligado